A companhia indiana Tata Steel anunciou que está estudando uma possível oferta de aquisição da Corus, o que levou as ações da siderúrgica anglo-holandesa a exibir alta de 15% ontem. "Dada a recente consolidação da indústria, a Tata Steel está revendo uma série de oportunidades mundiais", afirmou a companhia, respondendo a notícias de jornais indianos de que a empresa estaria preparando uma proposta de US$ 10,6 bilhões para a compra dos ativos da Corus. As ações da siderúrgica Corus, que acumulam ganho de mais de 50% este ano em meio a recorrentes rumores de aquisição, operaram em alta de 15,28% ontem. A Corus, porém, preferiu não comentar a informação. Uma fonte próxima da questão disse à Reuters, entretanto, que a Tata não está negociando com a Corus. Analistas informaram que a empresa indiana poderia encontrar dificuldades em justificar essa aquisição, segundo o atual preço das ações da Corus, mas afirmaram que um acordo revelaria o crescente apetite de consolidação entre as siderúrgicas. Pressão

Qualquer possível acordo vai se seguir à fusão de cerca de US$ 31 bilhões da Arcelor com a Mittal Steel, que criou a maior siderúrgica do mundo. "Há obviamente muito dinheiro no setor. Você tem a Arcelor Mittal e se a Corus está se juntando com alguém, isso aumenta a pressão sobre as outras concorrentes", afirmou o analista do WestLB, Michael Tappeiner. (Gazeta Mercantil/Caderno C - Pág. 4)(Reuters)

Autor(es): Gazeta Mercantil

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas