Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

CSN examinará dados da Corus

Mais notícias relacionadas a comércio internacional:

Taiwan: mercado promissor de produtos siderúrgicos
Cenário dos laminados planos é dominado pela China Steel Corporation (CSC), única empresa com usinas ...


O que são exportações invisíveis
Também conhecidas como exportações intangíveis, incluem pagamentos, licenciamento e repatriação de lucros entre empresas.


Camex anuncia redução de imposto de importação até 2014
Máquinas e bens de informática não produzidos no Brasil


A proposta de compra da anglo-holandesa Corus pela Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) ainda depende de análises que podem levar de duas a três semanas para terminar. O presidente da CSN, Benjamin Steinbruch, afirmou que está aguardando a disponibilidade de dados estratégicos da Corus para então decidir se mantém a oferta de aquisição. A “duo diligence”, de acordo com o empresário, começa nesta semana.

“Acho que seriam necessárias duas ou três semanas para a verificação dos dados”, afirmou, de Londres, o executivo em teleconferência a jornalistas. A CSN disputa com a indiana Tata Steel o controle da siderúrgica anglo-holandesa. A proposta da brasileira, de US$ 8,2 bilhões supera a da rival (US$ 7,8 bilhões). A CSN revela que o negócio deve provocar uma produção anual de 24 milhões de toneladas de aço a partir do consumo de 53 milhões de toneladas de minério de ferro - o que daria à CSN o título de quinta maior siderúrgica do mundo, atrás da gigante Mittal/Arcelor, seguidas pela japonesa Nippon Steel, a sul-coreana Posco e a japonesa JFE Steel.

O consumo de minério de ferro pela CSN dobrará se for concretizada a aquisição da companhia européia. A idéia é fornecer matéria-prima a partir da produção da Casa de Pedra, mina da CSN. O excedente de produção, hoje com preferência da Vale do Rio Doce, praticamente acabaria. Steinbruch afirmou que planeja vender 10% a 20% do capital da mina para. Segundo o executivo, o ativo seria valorizado no decorrer do processo de abertura de capital e venda de ações. “A CSN vale hoje US$ 8 bilhões e a acho que a Casa de Pedra tem o mesmo valor. Vamos abrir de 10% a 20% do capital na medida em que o mercado reconheça isso. É um ativo estratégico”, revelou.

Diretores da companhia que participaram da teleconferência afirmaram que a CSN tem empréstimo firmado em compromisso formal com bancos “muito superior aos 100% necessários” à compra da Corus. Entre os bancos contratados para a operação estão o Barclays, o Goldman Sachs Credit Partners e o BNP Paribas.

Corus e CSN já namoraram antes. Mas, em 2002, foi a Corus que tentou comprar a brasileira. No início do ano, a Corus voltou a falar em união, mas não em compra. Em nota, a CSN afirmou que a aquisição seguiria “uma lógica estratégia e industrial”. A Corus poderá utilizar o minério de ferro produzido pela CSN na mina de Casa de Pedra e a companhia brasileira poderá ter acesso à rede de comercialização da pretendida na Europa para aumentar as exportações.

Gazeta Mercantil

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a comércio internacional:

Importação de produtos químicos da Índia

A indústria química indiana está em franca expansão. O setor proporciona hoje um grande volume de negócios dentro e fora do país. Produtos químicos ...
Pesquisa mostra recuperação da indústria chinesa

A produção industrial na China melhorou neste mês de outubro, dando sinais de que uma recuperação pode estar tomando forma depois de uma queda acentuada da segunda ...
Definição de certificado de origem

O certificado de origem é um documento importante no comércio internacional que atesta que os bens em um embarque de exportação específico são inteiramente obtidos, produzidos, fabricados ...
Diferença entre marca de serviço e marca registrada

Se você fabrica um produto ou oferece um serviço, provavelmente quer que sua empresa tenha uma identidade única para permitir que seus clientes saibam a origem do produto ou ...
Modelos de comércio internacional

Modelos de comércio internacional têm sua origem na teoria da vantagem absoluta apresentada por Adam Smith, que demonstrou que era benéfico para um país se especializar ...
Déficit em químicos alcança US$ 12,0 bi no primeiro semestre

As importações brasileiras de produtos químicos totalizaram mais de US$ 19,4 bilhões no primeiro semestre de 2012, enquanto as exportações somaram US$ 7,4 bilh ...
China pretende criar zona de conversão da moeda

A China planeja criar uma zona especial para experimentar com a convertibilidade da moeda em Shenzhen (foto), cidade em que introduziu as principais reformas econômicas há três d ...

Comércio Internacional
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Comércio Internacional


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google