Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Fundo Stratus investe em fabricante de aeropeças

Mais notícias relacionadas a economia:

Definição de otimização restrita
Na microeconomia de uma empresa, conceito de otimização é usado para maximizar a produção e ...


O que é capital de risco verde
Junto com a ênfase na natureza ecológica da operação comercial, empresas que buscam capital de ...


Definição de valor contábil
Dois dos principais fatores que entram no cálculo do valor escrito, ou contábil, são depreciação ...


A Graúna Aerospace, uma das principais fabricantes de peças para o setor aeroespacial, inicia plano para quadruplicar seu faturamento nos próximos quatro anos e buscar a abertura de seu capital na bolsa. A empresa é um dos principais fornecedores de peças usinadas para a Embraer e passa agora a produzir peças e sistemas de maior complexidade na cadeia de produtos, inclusive para grandes empresas internacionais.

O comércio mundial de peças para o setor aeroespacial movimenta atualmente cerca de US$ 35 bilhões/ano, e engloba serviços para fabricação de peças, montagem de subconjuntos, usinagem de peças, tratamento de superfícies, montagem de estruturas e componentes.

No Brasil, o setor atualmente está diretamente relacionado ao crescimento da Embraer, mas já começa a se lançar em novos mercados. A própria Graúna já fornece partes para EADS/CASA e Eleb, e assinou contrato pioneiro com a Pratt & Whitney Canada para fabricação de partes de motores, contrato que representante parte relevante do faturamento já em 2007.

Com o novo aporte financeiro da Stratus, a meta de faturamento anual da Graúna Aerospace será de R$ 100 milhões em 2010. A empresa deve faturar cerca de R$ 26 milhões em 2006. O plano de investimentos, estimado em cerca de R$ 22 milhões nos próximos três anos, inclui compra de máquinas e equipamentos especializados, treinamento e capacitação da equipe, e crescimento via fusões e aquisições com outras empresas do setor no Brasil. O aporte da Stratus é a parte inicial deste projeto.

"A Graúna Aerospace lidera a consolidação do setor de aeropeças no Brasil e já nasceu como uma das maiores empresas nacionais do setor", afirma Urbano Araújo, diretor Comercial e fundador da Graúna Aerospace. "O Brasil já é reconhecido por sua capacitação e tecnologia nesse setor e existe grande potencial de aumento nas exportações, além obviamente do crescimento que deve ser proporcionado pelas vendas para a própria Embraer", destaca ele.

De acordo com Jorge Zapata, da Stratus, "com a Graúna, adicionamos à carteira do fundo Stratus VC uma empresa que pode se tornar a principal plataforma de consolidação do setor de peças aeroespacial brasileiro, e com grande potencial de se tornar um fornecedor internacional para o setor. Os fundadores da Graúna não só tem um plano ambicioso para a empresa nesse sentido, como têm capacidade demonstrada de implementação, comprovada através da recente fusão de empresas que originou a própria Graúna e do contrato com a Pratt & Whitney Canadá".

O aporte na Graúna é o mais recente realizado pelo Stratus VC, fundo apoiado pela Finep, que investiu cerca de R$ 24 milhões em empresas inovadoras. No total, são oito empreendimentos em carteira: Graúna, Connec, Senior Solution, Scua, Innovaction, Neovia, .comDominio e a ITMídia. O Stratus VC realizou ainda aporte na empresa de software Pulso, recém-adquirida pela Senior Solution. Além da Finep, estão entre os cotistas a Fapes, MIF/BID, Bovespa, Grupo PEBB, Banco Privado Português, Sebrae, entre outros.

A Finep apóia fundos de venture capital por meio da Finep Investimentos, estrutura que deve beneficiar, nos próximos três anos, cerca de 100 empresas inovadoras. Já foram comprometidos cerca de R$ 100 milhões em 10 Fundos de Venture Capital. Desses, seis estão em operação: GP Tecnologia, Stratus VC, SPTec, Rio Bravo Investech II, Novarum e CRP Venture VI aportaram recursos em 24 empresas inovadoras. Há ainda outros quatro fundos já aprovados e em fase de captação financeira.

Usinagem Brasil

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a economia:

Governo incentiva indústria farmacêutica

Foi lançado na última quinta-feira (11/4) um pacote de medidas com o objetivo de impulsionar a indústria brasileira no setor de saúde. A iniciativa do Governo ...
O que é liquidação na economia

Liquidação é o processo de tomada de ativos reais de um negócio para transformá-los em dinheiro, seja para pagar dívidas ou para obter um lucro pessoal. A ...
Definição de Integração Econômica

A integração econômica é um processo em que as barreiras ao comércio são reduzidas ou eliminadas para facilitar o comércio entre as regiões ou na ...
O que é colapso econômico

Um colapso econômico é uma situação em que a economia local, regional ou nacional passa por uma crise dramática, que afeta negativamente a capacidade das pessoas que vivem ...
O que é Mercantilismo

Mercantilismo é uma das maiores teorias econômicas que diz que a riqueza de uma nação pode ser medida pelo seu pronto fornecimento de capital. O mercantilismo afirma que a ...
O que é democracia econômica

Democracia econômica é uma filosofia de socioeconomia. Socioeconomia é o estudo e a exploração da economia quando vista no contexto de valores sociais humanos, comportamentos e interações. Dentro deste ...
JPMorgan nomeia novo presidente global de mercado de capitais

JPMorgan Chase & Co. (JPM), o maior banco dos EUA em ativos, continuou insuflando a gestão em seu banco corporativo e de investimentos, nomeando Kevin Willsey como o novo presidente ...

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google