Carlos Eduardo Orácio

Pela primeira vez, as vendas externas do minério de ferro em 2007, deverão ultrapassar os US$ 10 bilhões. O motivo é o reajuste de 9,5% no preço do minério negociado pela Vale do Rio Doce com a Baosteel, maior siderúrgica da China. De acordo com a AEB (Associação dos Exportadores do Brasil) este ano as exportações do produto somaram US$ 8,95 bilhões.

Segundo a Agência Brasil, a previsão é de que, com esse reajuste, as exportações da commodity em 2007 cheguem a US$ 10,3 bilhões. O diretor executivo da AEB, José Augusto de Castro, explicou que as exportações do complexo soja atingem US$ 10 bilhões, mas incluem vários produtos, como farelo, óleo e outros.

Segundo ele, a dúvida é se os preços elevados das commodities metálicas vão se manter em 2007. Ele lembrou que o alumínio e o cobre tiveram ajustes muito altos este ano, com a tonelada do cobre ultrapassando os US$ 35 mil. Castro estima que o superávit da balança comercial brasileira de 2007 será de US$ 36 bilhões.

Autor(es): Campo Grande News

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia