O interesse da CSN pela colombiana Acerias Paz del Rio independe do resultado do leilão pela Corus. A Siderúrgica Paz del Rio deverá ir a leilão em até duas semanas.

A empresa informa que estuda o negócio e que essa análise seguirá seja qual for o resultado do leilão da Corus.

Para vencer a disputa terá de enfrentar o Grupo Votorantim que pode fazer oferta para adquirir uma participação majoritária na siderúrgica colombiana. A companhia brasileira pediu à agência antitruste da Colômbia aprovação para uma possível aquisição, disse Jaime Rubio, chefe do órgão. A informação foi divulgada pela agência Dow Jones. A direção da Votorantim não quis comentar a informação. Segundo a assessoria, a empresa "não comenta rumores de mercado".

A Gerdau já havia pedido ao órgão para participar do processo, mas teve a solicitação negada. As autoridades colombianas negaram a solicitação, alegando risco de concentração de mercado. A Gerdau já é a maior produtora de aço da Colômbia. A empresa disse que recorreria.

Autor(es): Agência Estado

facebook      twitter      google+

Comércio Internacional
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Comércio Internacional