A WEG é indicada como uma das melhores companhias para acionistas em 2007. Prêmio é oferecido às empresas que melhor combinam liquidez, retorno financeiro, valorização, governança e sustentabilidade.

Pesquisa realizada pela Revista Capital Aberto indica WEG como uma das melhores companhias para os acionistas em 2007 na categoria Valor de Mercado entre R$ 5 bilhões e R$ 15 bilhões.

Liquidez, Criação de Valor, Retorno Financeiro, Governança Corporativa e Sustentabilidade foram os quesitos utilizados pela Capital Aberto para avaliar as 85 companhias participantes do ranking.

"O que faz da WEG uma empresa confiável é a transparência com os acionistas", diz o diretor de Relações com Investidores Alidor Luerders, após saber que a companhia obteve a nota oito na pontuação geral no quesito Governança Corporativa. Segundo ele esse foi um dos principais motivos para a empresa ter aumentado a liquidez dos papéis, hoje distribuídos entre 8 mil acionistas.

O número de sócios internacionais também cresceu. Em 2004, apenas cinco fundos de investimentos estrangeiros tinham ações da WEG. Hoje, são cerca de 150.

Pagar atraentes dividendos é outra aposta da empresa para conseguir bons preços às suas ações. E, foi no quesito Shareholder Return, que mede a remuneração do acionista incluindo a valorização das ações e dividendos distribuídos, que a empresa levou a nota 9,38 no ranking da categoria, já que registrou uma valorização de 93,5% nesse quesito.

Na sua segunda edição, o Ranking Melhores Companhias para os Acionistas indicou ainda, a Eternit, Localiza e Company como vencedoras na categoria valor de mercado até R$5 bilhões. Junto com a WEG, a Porto Seguro e Net, categoria valor de mercado entre R$5 bilhões e R$15 bilhões e Unibanco, Bradesco e CPFL, categoria superior a R$ 15 bilhões.

Autor(es): Notícias WEG

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia