O uso da plataforma de CAD garantiu à engenharia da WEG uma economia de até 50% no tempo de projeto. Os novos motores da empresa são os primeiros a serem criados a partir da soma dos recursos do SolidWorks com a plataforma de ERP SAP.

Os investimentos chegaram a 10 milhões de dólares e a plataforma W22 é o primeiro projeto da WEG criado de forma a buscar a sustentabilidade buscando a economia de materiais e energia. A empresa com sede em Jaraguá do Sul - SC, nos últimos anos conquista cada vez mais espaço nos mercados da China, Rússia, México, Arábia Saudita, Portugal e Argentina. Em 2007, o volume de negócios da empresa ultrapassou US$ 2,2 bilhões e a expectativa para este ano é de um crescimento de 20%.

A extraordinária flexibilidade da plataforma W22 - que, até o final de seu ciclo de lançamento, em 2010, deverá contemplar toda a plataforma de motores industriais da série, contendo mais de 150 linhas derivadas - faz com que esses ganhos de engenharia sigam se multiplicando, no futuro. "Alterações paramétricas do projeto inicial em SolidWorks nos permitem projetar novos modelos da série W22 com redução adicional de tempo de engenharia de até 30%", detalha Castella.

Outro destaque desta série de motores desenvolvida em CAD 3D é que alguns modelos já foram criados dentro de um ambiente híbrido SolidWorks/SAP. Graças a essa integração, os gestores conseguem visualizar o status de cada processo produtivo e comercial, desde a fase de projetos de produtos até a movimentação de materiais dentro da empresa.

Autor(es): Portal CIMM

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia