Petrobras completa testes na área de Tupi, na Bacia de SantosA Petrobras completou bem seu quarto teste de formação na avaliação da Área de Tupi na bacia de Santos, e os resultados foram positivos. O poço 3-RJS-662A foi testadoem novembro passado em 2.115 m2 de água, 18 km a nordeste da descoberta de Tupi no Bloco BM-S-11. Embora o teste de fluxo de capacidade do poço esteja limitado a cerca de 5 mil b / d de óleo leve, a Petrobras acredita que o poço poderia entregar 30 mil b / d, confirmando a alta produtividade a partir do início de funcionamento da Tupi Sul e também um teste bem feito no campo.

A empresa iniciou recentemente um outro teste prolongado no pós-sal, em águas rasas Tiro e Sidon, depósitos descobertos no ano passado na Bacia de Santos, bloco sul BM-S-40. O programa de dois anos é realizado a partir da Atlantic Zephyr semi-submersível, com a produção, em torno de 10 mil b / d, armazenados no Avare FSO e transferido para navios aliviadores. A Petrobras estimaque há reservas recuperáveis a partir desses campos em 150 MMboe. É também uma outra estrutura de perfuração de poços de petróleo para o leste no bloco BM-S-12 para testar o potencial do pré-sal.

Na bacia de Sergipe-Alagoas, a Petrobras está alinhando oito poços exploratórios neste ano de 2010, e sua campanha será o mais abrangente possível, até fora do Nordeste do Brasil. Parte do programa incidirá sobre as estruturas de águas rasas perto de campos produtores, como Piranema, mas a empresa também tem metas nas áreas de águas profundas que ainda estão praticamente inexploradas.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás