Bengal Energy ganha contrato de partilha da bacia do bloco de CauveryCALGARY, Alberta - O governo da Índia concedeu à Bengal Energy International um contrato de partilha de produção para o bloco CY-OSN-2009 / 1, 7-16 km (4,3-9,9 m) no mar do sudeste da Índia.

O bloco foi concedido ao país de acordo com a Nova Política de licitação VIII, que fala da exploração e licenciamento da região,e abrange cerca de 1362 km ² (526 sq mi) na bacia de Cauvery. Dois terços da concessão está em lâmina d'água de menos de 100 m (328 pés).

A empresa diz que já identificou uma grande estrutura geológica com base em uma revisão dos atuais dados sísmicos 2D, com uma extensão horizontal de cerca de 18.750 acres (7.588 ha). Ela pretende adquirir e avaliar os dados sísmicos 3D sobre a estrutura para melhorar a definição de seus planos de perfuração.

Outros operadores com licenças no prazo de 50 km (31 milhas) do bloco também se comprometeram a investir mais de US$ 200 milhões para exploração de petróleo ao longo dos próximos quatro anos, ressalta a empresa Bengal.

Atualmente, existem 28 campos de petróleo e gás na produção na bacia de Cauvery. A Bengal Energy está empenhada em adquirir 81 quilômetros quadrados (31 sq mi) de sísmica 3D e 310 km (192 milhas) de novos dados 2D, durante os primeiros quatro anos do contrato de exploração do bloco, que terá vigência por sete anos.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás