Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

No lixo, R$ 8 bilhões/ano de resíduos que deixaram de ser reciclados

Dado apresentado no Seminário Instrumentos Fiscais e Reciclagem, na Fiesp, dimensiona o quanto é preciso avançar neste debate.

Mais notícias relacionadas a meio ambiente:

Lubrificantes Fênix minimiza impacto com oxidação térmica
A preocupação com o meio ambiente está no DNA da empresa desde sua fundação.


Empresas de biotecnologia representam Brasil na Bio 2013
Maior convenção do setor acontece em abril nos EUA


Para que servem as cortinas de lodo
Também conhecidas como barreiras de lodo, são usadas para evitar que sedimentos de construção poluam ...


O mercado ainda não tem condições de atender a demanda de uma cidade com a dimensão de São Paulo, pois não há um movimento de formalização adequada e um número suficiente de cooperativas para atender ao Decreto [Nº 55.947/2010] que só permite contratar cooperativas ou associações formadas por catadores.

A preocupação é de Valéria Theodoro Ramos, assessora de comunicação da Derat/SP e professora de direito da Escola Superior de Advocacia da OAB-SP. A especialista em Meio Ambiente questionou se realmente “estamos prontos para uma Política Nacional”.

Em sua avaliação, a reciclagem sofre com a falta de informações por parte dos sistemas econômico e jurídico. Ramos acredita, no entanto, que o mercado tem grande capacidade de se organizar e consolidar diante de mais clareza. Em sua reflexão, há três setores interligados neste processo: ordem social, econômica e tributária, que resultam em distribuição de riqueza, geração de empregos e arrecadação. “Todo tributo gera impactos econômicos, sociais e ambientais”, opinou.

Citando dados do Instituto de Pesquisa Econômica (IPEA), Ramos lembrou que se deixa de gerar como receita cerca de R$ 8 bilhões/ano quando não se reciclam resíduos que deveriam ter destinação adequada, um “tesouro” literalmente jogado no lixo e à margem da economia. Assim, “seria preciso rever o conceito de riqueza. A questão ambiental ainda não foi absorvida pela política”, lamentou.

Ao avaliar pontos do Decreto enfatizou os atores considerados como geradores de resíduos: fabricantes, importadores, distribuidores, comércio, consumidores e os que realizam o descarte.

Hoje, para a indústria, ser sustentável não é mais uma opção, assegura-se a perpetuação do próprio negócio. A avaliação foi feita por Stefan Jacques David, representante da Abividro, ao longo do seminário.

O volume dos resíduos sólidos, no Brasil, é preocupante: em 2009, foram geradas 57 milhões/toneladas e 7 milhões sequer foram sequer coletadas [dados citados do IPEA]. “Então, estamos falando de penalidades, mas há gargalo na coleta", desabafou David, que apontou o que não está no Plano de Resíduos Sólidos: isenção de ICMS entre os Estados, isenção do PIS/Cofins sobre a parcela reciclada e a instituição de um “selo verde”.

Por sua vez, Casemiro Tércio de Carvalho, da Coordenadoria de Planejamento Ambiental da SMA, apontou que é preciso estabelecer indicadores e políticas a fim de melhorá-los. “É preciso gerir bem o resíduo. Não existe uma solução única, pois as cooperativas não dão conta de recolher tudo”. E finalizou defendendo acordos setoriais.

Solange Sólon Borges, Agência Indusnet Fiesp

Agência Indusnet Fiesp

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a meio ambiente:

ABNT lança norma sobre manufatura reversa de eletroeletrônicos

Nesta sexta-feira (19 de abril), a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) apresenta em São Paulo a norma ABNT NBR 16156:2013 - Resíduos de equipamentos eletroeletr ...
Desenvolvimento econômico sustentável

O termo desenvolvimento econômico sustentável refere-se ao saldo de crescimento econômico junto com as necessidades sociais e ambientais. Para que o crescimento econômico seja considerado sustent ...
Como funciona um sistema de esgotos

Um sistema de esgoto de águas residuais move o material isolado a partir de seu ponto de origem, de modo que possa ser eliminado ou tratado. Existem três principais ...
Prós e contras de sacolas reutilizáveis

Com tantos problemas ambientais que assolam o planeta, o ideal seria que todas as pessoas contribuíssem para evitar a poluição originada pelo acúmulo de lixo, especialmente por ...
Poluição causada por produtos plásticos

O plástico tornou-se um produto essencial para as pessoas ao redor do mundo. Desde a sua descoberta por Alexander Parkes em 1852, tem sido um dos produtos mais usados ...
O que é biorremediação

A biorremediação é um método, dentro do campo da biotecnologia, criado para impedir as crescentes ameaças provenientes de formas graves de poluição ambiental. Como o nome sugere ...
Ministro da Economia alemão ainda se opõe a licenças de emissão de carbono

Ministério da Economia da Alemanha continua em oposição a um plano da União Europeia para conter um excesso de oferta de licenças no maior mercado mundial ...

Meio Ambiente
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Meio Ambiente


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google