Solda a arco de metal na indústria siderúrgicaNo caso de processos de soldagem de metais, solda a arco de metal é bastante comum para a soldagem automática, permitindo a rápida solda dos metais e de forma bem precisa. A soldagem a arco de metal é diferenciada de outras formas de soldagem, com a utilização de uma fonte de alimentação de alta energia. Esta fonte de energia cria um arco elétrico entre a ponta da tocha de solda - um eletrodo – e a superfície do material a ser soldado. O arco de alta energia derrete a superfície metálica e sobre quaisquer metais e enchimento utilizados durante o processo de junção dos metais na indústriametal-mecânica.

É um processo de soldagem relativamente simples, mas que requer habilidade e destreza para a execução de modo eficaz e seguro. Dentro do gênero metal de solda a arco são várias subcategorias. As duas categorias mais populares de soldas são soldagem por arco elétrico com gás de proteção, que significa, em inglês, Gas Metal Arc Welding (GMAW) e soldadura por arco elétrico com fios fluxados (FCAW). Na solda GMAW, o calor é criado pela fonte de alimentação, sendo que o componente do gás de uma unidade GMAW não é para queimar, mas sim para proteger.

O argônio puro ou gás hélio emitido próximo ao eletrodo de uma máquina MIG / MAG é projetado para limpar a superfície metálica de nitrogênio atmosférico ou oxigênio. Os gases atmosféricos podem causar falhas na solda ou defeitos na fusão metálica, por isso, é melhor proteger a área com um gás inerte. A maioria das unidades GMAW utilizam argônio ou hélio, gases de proteção mais adequados para metais não ferrosos. A soldadura GMAW, por conseguinte, é normalmente utilizada para o alumínio, um metal comum não ferroso. Diferentes gases de proteção existentes fazem esse tipo de solda a arco de metal muito útil para os outros compostos metálicos também.

Tal como acontece com a soldagem por arco elétrico com gás de proteção, os eletrodos FCAW são continuamente alimentados para soldagem semi-automática. As unidades FCAW normalmente não têm uma blindagem externa de gás fornecido. A solda FCAW conta com recursos inertes já incorporados no eletrodos que evaporam em um gás de proteção em altas temperaturas. Algumas unidades FCAW também possuem blindagem adicional de gás, garantindo limpeza e uma solda praticamente perfeita. Tais unidades são freqüentemente chamados de soldagens “duplamente brindadas”. Além de um conveniente mecanismo de proteção, as máquinas de solda FCAW produzem calor ainda mais intenso e mais rápido de solda. Infelizmente, essa velocidade tem um preço, já que os FCAWs são mais caros que os modelos concorrentes GMAW.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica