WASHINGTON, DC – A volumosa quantidade de petróleo derramada pelo poço da BP no Golfo do México, em Macondo, está sendo evaporada, queimada, desnatada, recuperada ou dispersa, de acordo um relatório feito pelo governo americano e anunciado à imprensa.

O estudo da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica e do Ministério do Interior diz que um terço do petróleo foi atenuado, um quarto naturalmente evaporado ou dissolvido e 16% foram dispersos na natureza. Além disso, dos 26% restantes, a maior parte do petróleo coletado tem sido lavado em terra ou foi coletado a partir da terra, ou seja enterrado na areia e em sedimentos. As primeiras indicações são de que o petróleo está se degradando rapidamente, segundo consta no relatório.

NOAA, Doi, e NASA continuarão a acompanhar todo o processo de contenção do vazamento de petróleo no Golfo do México e os impactos ambientais gerados pelo derramamento de óleo no mar.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás