Planejamento e programação em manutençãoPlanejamento e programação em manutenção é uma abordagem disciplinada para utilizar seus recursos de manutenção existentes com o intuito de reduzir o tempo de inatividade das máquinas e equipamentos no chão de fábrica e minimizar os custos globais de produção. Isto é realizado com base em ações como priorizar o trabalho, desenvolver as medidas físicas para completar o trabalho, fazer aquisição de ferramentas e materiais necessários, agendar o trabalho a ser elaborado, concluir o trabalho, identificar tarefas adicionai que precisem ser incluídas no plano de manutenção nos equipamentos e montar um arquivo com toda documentação escrita sobre o histórico dos equipamentos.

Cabe lembrar que uma área de crescente foco é a manutenção nas instalações industriais. No passado, o departamento de manutenção era visto como um mal necessário. Mais recentemente, as empresas estão buscando maneiras de prevenir as falhas em máquinas antes que ocorram a fim de não afetar os processos produtivos. Ferramentas tais como análise de vibração, termografia infravermelho, análise acústica e manutenção preventiva ajudam a maximizar os lucros, minimizando o tempo de inatividade.

Além de identificar falhas potenciais, também é preciso concentrar recursos para corrigi-las antes que elas ocorram. Com a diminuição da força de trabalho e o aumento das responsabilidades dos profissionais que ficaram na instalação, a eficiência dos recursos facilmente se tornam uma segunda prioridade. Isso se torna um terreno escorregadio, já que menos trabalho é concluído, as falhas ocorrem com mais facilidade e o tempo acaba sendo gasto para reparar falhas, e não na prevenção delas.

A única maneira de quebrar este ciclo é a abordagem de planejamento e programação de manutenção como um novo centro de lucro. Para fazer isso é necessário desenvolver uma disciplina, com nova abordagem para identificar erros, priorizar e concluir os trabalhos de manutenção. A planta industrial deve compreender que um planejamento de manutenção eficaz e um programa de agendamento irão produzir uma força de trabalho mais eficiente e diminuir o tempo ocioso de manutenção em geral. Isso equivale a margens de lucro mais elevadas.

O primeiro passo para estabelecer um planejamento eficaz e um programa de agendamento, especialmente em grandes paradas de manutenção, é identificar o planejamento e as práticas atuais de programação. Isso significa sair nas áreas operacionais e falar com os supervisores, planejadores e operações de manutenção e empregados. O uso de indicadores e métricas ajuda os gestores a identificar possíveis falhas, bem como a integração entre todos os departamentos pode ser o grande diferencial na tentativa de manter os processos produtivos 100%.

Os conceitos de planejamento efetivo e sistema de agendamento têm sido estudados durante anos. O mais importante hoje é conseguir o desenvolvimento e a implantação de um sistema que vai tornar-se uma parte do caminho para o sucesso dos negócios nos próximos anos. Em um mundo onde só os fortes sobrevivem, é imperativo que o foco sobre os custos esteja dentro do nosso controle. Ao mudar a percepção de que o as ações de manutenção devem ser planejadas, isso realmente reduzir o custo de produção das fábricas, colaborando com seu crescimento no mercado.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Manutenção
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Manutenção