A empresa Siemens completou o programa de testes seu sistema de compressor STC para submarinos e aplicações de gás. A empresa diz que este foi um marco importante no programa de qualificação e para maritimização do compressor marítimo, em preparação para aplicações submarinas em lâmina d'água de 3.000 m.

Os testes de desempenho termodinâmico abrangidos incluíram análise de refrigeração interna, análises do comportamento dinâmico do rotor, do desempenho do motor e da estabilidade do sistema de rolamento. A Siemens diz que o programa de qualificação da próxima fase será o foco em testes de confiabilidade de desempenho e robustez mecânica.

A próxima fase de testes terá abrangerá análises de gás úmido, como injeção de líquidos no canal principal, resistência a gases e testes de robustez. A manutenção de compressores submarinos não pode ser realizada no fundo do mar, ressalta a Siemens, pois o acesso ao equipamento é caro e difícil. Portanto, as unidades devem ser confiáveis e rigorosas para garantir longos intervalos de manutenção.

O sistema STC-ECO incorpora um motor de indução de alta velocidade e multi-estágios em um compressor centrífugo. A Siemens alega que equipamentos, tais como um sistema de vedação de gás, sistema de óleo lubrificante e caixa de velocidades só vão apresentar confiabilidade assim tiverem o número suficiente de componentes necessários.

Em 1999, a Siemens e a Shell, co-desenvolveram o compressor ergonômico e ecológico ECO-II. Durante o outono de 2006, o protótipo foi implantado no campo de gás NAM Vires-4, na Holanda. Ele foi testado por mais de 20 meses em aplicações onshore com gás de processo sujo, e uma vasta gama de contaminantes, incluindo areia e água. Após os testes de campo, o compressor marítimo foi denominado como STC-ECO e agora opera como uma máquina padrão para aplicações de gás sujo, com mais de 16.000 horas de operação no campo.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Máquinas & Equipamentos
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Máquinas & Equipamentos