Manutenção em telhados exige muitos cuidadosMuitos imóveis recebem reparos gerais e manutenção em telhados anualmente. Talvez mais do que qualquer outro material usado para a construção de uma casa, o telhado está sujeito a maior desgaste por ficar exposto ao tempo e às condições do clima, por isso, é uma parte da casa que merece mais atenção e requer manutenção periódica, com ajustes de telhas e substituição delas caso necessário. Ao realizar algum tipo de inspeção ou reparos em telhados, é preciso ter em mente que o uso de equipamentos de segurança é essencial, especialmente em edifícios muito altos.

Para realizar a manutenção nos telhados de prédios e casas, é sempre aconselhável contratar uma equipe especializada, com profissionais competentes e experientes que possam fazer o serviço de modo rápido, seguro e confiável. Mas no caso de um leigo ter de resolver o problema com o telhado de casa, é bom sempre lembrar em averiguar pequenos defeitos nas telhas, rachaduras e outros danos que possam abrir espaço para vazamentos. Outro detalhe importante é inspecionar o ajuste e a colocação de cada telha de construção, averiguar chaminés, clarabóias, beirais, calhas e deformações na madeira que fica por debaixo das telhas, lembrando que telhas de ardósia e barro são as mais suscetíveis ao tempo.

Calhas de PVC são as mais duráveis e de metal são mais propícias à corrosão. Alguns dos sinais evidentes de que um telhado precisa ser trocado são: parede ou teto internos com bolhas, vazamentos ou danos causados pela água, acúmulo de gelo no sótão, telhas que parecem sujas ou que tenham algas, com rachaduras e trincas. Atualmente, muitas empresas oferecem reparos em coberturas com muitas opções de pagamento e vários orçamentos, dependendo do tipo de serviço que será feito.

Caso o telhado esteja com sérios danos, a pergunta seguinte pode ser a possibilidade de substituir ou reparar. Enquanto a substituição normalmente é bem mais cara, cabe ressaltar também que, em casas mais antigas e grandes, o serviço de reparo pode ser igualmente dispendioso. O principal fator que determina o custo da substituição ou reparação é o material com que são feitas as telhas. Os materiais mais caros são telhas de barro e os menos caros são telhas de asfalto. No entanto, é importante manter em mente como são os padrões meteorológicos na região onde se localiza o imóvel antes de escolher o material ideal para a construção. A decisão de reparar ou substituir pode surgir com muito mais frequência, ao escolher telhas de barro em uma região que recebe uma grande quantidade de tempestades de granizo.

Como mencionado acima, a telha do asfalto é o material menos caro e mais fácil de encontrar na maioria das casas. No entanto, esses tipos de telhas de construção são muito vulneráveis ao vento à tempestades mais intensas. Por outro lado, as telhas de barro são as mais onerosas e resistentes a insetos, mofo e deterioração. Já a telha de ardósia é muito popular devido à sua durabilidade e resistência, mas é o modelo de telha mais dispendioso para instalar, porque normalmente requer a habilidade de pedreiros. As telhas de madeira têm um preço mais acessível, em compensação, não resistem a insetos. Por último, a cobertura de metal galvanizado é muito comum em climas que enfrentam neve no inverno e é extremamente fácil de instalar ou manter.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Manutenção
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Manutenção