O Engmat é uma ferramenta de apoio para a padronização de descrição de materiais, que funciona integrada a qualquer sistema de compras ou de gestão de almoxarifado. O novo software está sendo lançado no mercado pela Astrein, empresa que atua no mercado nacional com softwares para gerenciamento da manutenção e soluções integradas em Consultoria, Treinamento e Informática para manutenção.

Com telas simples, bem desenhadas, de fácil entendimento por leigos na área de informática, o Engmat permite a escolha de suas opções de forma lógica e estruturada, abrindo e fechando janelas com o uso do mouse. Destinado à unificação de cadastros e à padronização das descrições, o Engmat dispõe de opções para definir famílias, subfamílias e padrões de descrição de materiais. Estes PDMs são utilizados para classificar materiais durante a inclusão de novos itens ou durante projetos de unificação de listas de materiais.

Dispõe ainda de opções para solicitação, autorização e aprovação de novos itens, emite relatórios estatísticos para demonstrar mês a mês os volumes de classificações realizadas, integra-se a sistemas corporativos e possibilita a troca de informações com a base de conhecimento da Astrein.

O engenheiro Marcelo Ávila Fernandes, diretor da Astrein, afirma que dentre as funcionalidades disponíveis no novo software, a função de padronizar os materiais permite a formação de descrições resumidas para listas de balcão e também reúne especificações completas, aumentando a eficiência do processo de compras. "O Engmat - explica o diretor - dá suporte aos projetos de saneamento e unificação de listas de materiais, eliminando itens iguais com descrições similares e códigos diferentes, e integra-se a qualquer sistema de compras ou de gestão de almoxarifado existente no mercado".

Ainda de acordo com o engenheiro, o Engmat é uma ferramenta para produzir e acessar conhecimento de qualidade através de uma interface única e amigável, pois disponibiliza para consulta e cópia, o banco de padrões de descrição de materiais da Astrein, onde quer que estejam os usuários, uma vez que utiliza tecnologia .NET da Microsoft e pode ser operacionalizado através da Intranet ou Internet.

Autor(es): Usinagem Brasil

facebook      twitter      google+

Automação Industrial
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Automação Industrial