Petrobras dá início à exploração comercial do petróleo do pré-salOntem (18/10), após a inauguração das novas unidades de coque e hidrotratamento da Revap, Refinaria Henrique Lage, em São José dos Campos, região do Vale do Paraíba, em São Paulo, evento que contou com a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a Petrobras anunciou que até o final deste mês deve iniciar as operações a exploração comercial do petróleo da camada do pré-sal. Segundo o presidente da estatal, José Sergio Gabrielli, é provável que a exploração comercial no Campo de Tupi seja iniciada nos dias 27 ou 28 de outubro.

A exploração experimental do Campo de Tupi começou em maio deste ano e atualmente são extraídos aproximadamente 14 mil barris de petróleo por dia. Contudo, após o pontapé inicial da exploração comercial, a estimativa é de que a extração atinja os 100 mil bpd (barris por dia).

O presidente da Petrobras, Gabrielli, deixou bem claro que este número é uma previsão concreta, mas que não será obtida logo no começo das operações. Além disso, Gabrielli destacou a queda no preço das ações da companhia, fator observado nos últimos meses. Para ele, a explicação para tal fato foi a taxação dos investimentos vindos do exterior estabelecida pelo governo com o intuito de segurar ao máximo a desvalorização do dólar. “Isso não aconteceu em razão de uma possível desconfiança dos investidores em relação ao processo de capitalização da Petrobras”, justificou.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás