Aker Solutions fecha contrato para serviços offshore no BrasilAker Solutions anunciou o acerto de dois contratos para o fornecimento de serviços de atracação no Brasil com a Petrobras. Os contratos têm um valor combinado de cerca de US$ 35 milhões. "Os contratos são estrategicamente importantes para a Aker Solutions com base no potencial para futuros negócios no Brasil. A Aker Solutions tem como alvo o mercado brasileiro com uma vasta gama de tecnologias offshore e está expandindo a organização de serviços locais em paralelo com a tomada de novas vendas", diz Leif Haukom, presidente da Aker Solutions.

Contratos de amarração offshore

O primeiro contrato com a Petrobras e é composto por cadeias de sistemas de amarração para o FPSO P58 e para a plataforma P62. As unidades vão produzir petróleo no campo do Parque das Baleias e também no campo de Roncador, sendo que o FPSO ficará ancorado em lâmina d'água entre 1400 metros e 1600 metros. A entrega do sistema de amarração para as plataformas P58 e P62 está prevista para 2011.

Contrato Offloading

O segundo contrato de serviço está destinado ao FPSO da Petrobras que opera nos campos de Tiro e Sidon, na costa brasileira. Este FPSO, ancorado, utilizará o sistema de descarregamento tanto à popa e proa. Estes dois sistemas de descarregamento incluem os serviços de amarração de componentes de transferência de óleo cru. O petróleo explotado e armazenado pelo FPSO será transferido para os navios aliviadores dinamicamente posicionados.

O sistema de descarga é reconhecido pela indústria para estabelecer uma conexão ambientalmente responsável e segura de um FPSO através de uma mangueira de transporte deóleo bruto para um navio-tanque posicionado. No caso de uma emergência, o fluxo de petróleo pode ser interrompido rapidamente e os navios, desconectados com rapidez e segurança.

A entrega de sistemas de carregamento offshore também está estimada para o ano de 2011.
De acordo com Haukim, “os sistemas de carregamento da Aker Solutions atingem uma posição única no Brasil. Recentemente, a companhia assinou contratos de construção de novos navios da Samsung com sete sistemas de carregamento a arco destinados a diversos clientes, e até 2012 terá 25 sistemas em operação em águas brasileiras", comenta Haukom.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás