A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) lucrou 1,03 bilhão em 2003. Com o resultado, a empresa reverteu o prejuízo de R$ 195 milhões apurado no ano anterior. O resultado operacional antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebtida) atingiu valor recorde pelo segundo ano consecutivo, totalizando R$ 2,9 bilhões (R$ 3 bilhões no consolidado), com margem equivalente a 47% da receita líquida.

Autor(es): InvestNews

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas