Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Caemi fica com a parte da Vale na Pará Pigmentos

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) vendeu por US$ 117,8 milhões sua participação acionária na Pará Pigmentos para sua controladora Caemi, consolidando assim os negócios de caulim da mineradora na Caemi, que já atua no setor através da Cadam. A Vale detinha 85,6% do capital votante e 82% do capital total da empresa. Juntas, as duas terão capacidade para produzir 1,3 milhão de toneladas por ano.De acordo com a Vale do Rio Doce, existem "significativas sinergias a serem exploradas entre a Pará Pigmentos e a Cadam, cujo valor presente estimado é da ordem de US$ 26 milhões". Essas sinergias derivam "dos ganhos na operação e logística, avaliados em US$ 16,1 milhões, e da comercialização da linha de caulim fino e grosso, da ordem de US$ 8,2 milhões", segundo nota da companhia.

As duas empresas produzem tipos diferentes e complementares de caulim para revestimento de papel. Além disso, estão avaliando o desenvolvimento de novos produtos derivados do caulim, fora do segmento de revestimento, a fim de ampliar o leque de ofertas a seus clientes.

A Pará Pigmentos está em processo de expansão a fim de reduzir sua ociosidade e de passar a produzir o total de sua capacidade instalada, de 600 mil toneladas por ano. Recentemente, assinou contrato com a International Paper, maior produtora mundial de papel, para o suprimento de 100 mil toneladas anuais de caulim no período compreendido entre os anos de 2005 e 2009.

Ainda de acordo com informações da CVRD, a geração de caixa estimada, medida pelo Ebitda (lucro antes de despesas financeiras, impostos, depreciação e amortização) apurado de acordo com os princípios de contabilidade dos Estados Unidos da América (Us Gaap), alcançou US$ 8,4 milhões nos primeiros seis meses do ano. O lucro líquido foi de US$ 2,8 milhões. A dívida bruta da Pará Pigmentos em 30 de junho de 2004 era de US$ 50,6 milhões, sendo a dívida líquida correspondente de US$ 45,9 milhões.

Segundo a Vale, o preço das ações da Pará Pigmentos foi determinado com base na avaliação dos bancos NM Rothschild & Sons, contratado pela CVRD, e UBS Investment Bank, contratado pela Caemi. A incorporação, no entanto, será negociada com os minoritários da Cadam - o Banco do Brasil (BB) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Gazeta Mercantil

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google