Tubo de polietilenoOs tubos de polietileno são um tipo de tubulação flexível comumente usado em laboratórios, bem como para o transporte de água, inclusive da água potável. Seu principal componente, o polietileno, é uma cadeia de polímeros feitos de moléculas de etileno, que são constituídos de carbono e hidrogênio. O polietileno é o plástico mais utilizado no mundo e pode ser feito em densidades diferentes, dependendo da forma como ele será usado.

Há duas categorias mais comuns de tubos de polietileno: tubos de baixa densidade e alta densidade. Os modelos de tubos de polietileno são considerados como tendo uma baixa densidade, com peso entre 0,91 e 0,94 gramas por centímetro cúbico. Polietileno de baixa densidade (LDPE) tem a vantagem de ser muito flexível e altamente resistente a rachaduras. Esse material também se adaptar bem a variáveis taxas de temperatura. Esses tipos de tubos de polietileno são aprovados para uso com água potável e outras aplicações de manipulação de alimentos.

Tubo de polietileno

O tubo de polietileno de alta densidade (PEAD) é definido por uma densidade superior a 0,941 gramas por centímetro cúbico. Não é tão flexível como o PEBD, mas não resiste à esterilização por fervura. Esta pode ser uma vantagem importante, especialmente quando o tubo de alta densidade é usado para manipulação de alimentos. Tubos feitos de PEAD também resistem aos produtos químicos corrosivos, com melhor desempenho se comparados aos suprimentos de PEBD, tornando a escolha preferida para aplicações científicas.

O polietileno é um composto que não ocorre na natureza, e por isso deve ser sintetizado em um laboratório ou no ambiente industrial. Devido a isso, sua ampla utilização foi mais intensificado após o século 20. A primeira pessoa a sintetizar o polietileno foi o químico alemão Hans von Pechmann, em 1898. Diversos cientistas foram capazes de produzi-lo em condições de laboratório durante os séculos seguintes. Mas somente em 1935 é que um método prático foi inventado para a produção de polietileno em maior escala.

O polietileno como um composto, na verdade, possui muitas outras finalidades que vão além do de servir apenas como um componente para a produção de tubos à base polietileno. É muito usado em inúmeros produtos de consumo, incluindo caixas de leite, sacos de compras e contentores de lixo, entre outros. Certos tipos de polietileno têm um peso molecular muito elevado, o que resulta em um material muito mais rígido. É forte o suficiente para uso em coletes à prova de bala, no entanto, também é quimicamente inerte o suficiente para formar peças de implantes utilizados na substituição de ossos do quadril e do joelho.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Suprimentos Industriais
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Suprimentos Industriais