Apache investiga vazamento de gás possível no Golfo do MéxicoA Apache Corporation e os órgãos reguladores dos Estados Unidos estão investigando um potencial vazamento de gás natural em uma plataforma de produção offshore no Golfo do México, segundo a informação dada pela Apache nesta última terça-feira, 18 de janeiro.

A companhia de petróleo e gás anunciou que um reflexo de luz de hidrocarbonetos foi identificado em um campo offshore perto de sua plataforma de produção no Bloco 278, o qual a empresa abandonou definitivamente as operações por quase dez anos. A empresa também informou que os trabalhadores viram a água borbulhando no domingo, 16 de janeiro; em seguida, na segunda-feira, eles avistaram o reflexo de luz.

Segundo a Agência de Gestão de Energia Oceânica (Bureau of Ocean Energy Management) dos Estados Unidos, a plataforma não teve qualquer produção durante quase uma década e agora é utilizada para processar a produção de gás a partir de outros poços.

A plataforma foi evacuada e novas condutas de operações nas proximidades foram encerradas, disse o Bureau, enquanto os investigadores aguardavam a chegada de um veículo remotamente operado na terça à noite.

Na manhã de terça-feira, 18, os inspetores da Agência encontraram ainda sinais de bolhas na água perto da plataforma, onde, possivelmente, há uma mistura de sedimentos do fundo do oceano, com formação de gases e água, confirmou a agência.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás