Fluidos ésteres de fosfato - Vantagens e Limitações Desde a descoberta da sua excelente propriedade anti-desgaste e de outras características como resistência ao fogo, em 1940, a utilização de ésteres de fosfato por parte da indústria tem aumentado continuamente. Os fluidos ésteres de fosfato são suprimentos utilizados principalmente como óleos base resistentes ao fogo em várias aplicações, incluindo sistemas hidráulicos, turbinas e compressores.

Os primeiros produtos comerciais foram sintetizados a partir de derivados do alcatrão de hulha e, consequentemente, foram compostos de uma mistura de vários isômeros de fosfato de arila, incluindo o fosfato neurotóxico. Atualmente, outras matérias-primas são usadas para a síntese de ésteres de fosfato. Os avanços da tecnologia moderna influenciam um melhor controle do processo de fabricação, fazendo com a toxicidade do produto final seja normalmente baixa.

Fluido resistente ao fogo

Óleo baseOs fluidos de ésteres de fosfato são mais resistentes ao fogo se comparados aos óleos base não-aquosos sintéticos de uso comum. Suas altas temperaturas de ignição são excelentes para conferir maior estabilidade de oxidação ao líquido, enquanto suas baixas temperaturas de combustão resultam em fluidos auto-extinguíveis. Numerosos compostos de fósforo orgânicos, incluindo fosfitos, fosfonatos e fosfatos têm encontrado aplicação como aditivos em uma variedade de formulações de lubrificantes como estabilizantes, aditivos anti-desgaste, antioxidantes e aditivos de extrema pressão.

O uso de produtos de fosfato à base de éster em aplicações hidráulicas ainda é principalmente determinado por considerações de risco de incêndio. Embora os ésteres de fosfato possuam excelente estabilidade de oxidação e boas propriedades anti-desgaste inerentes sob condições de carga crítica, essas substâncias apresentam inferior estabilidade hidrolítica, com índice de baixa viscosidade e agressividade química extrema em relação à vedação convencional de muitos materiais de revestimento. Estas deficiências limitam o uso de éster de fosfato para aplicações especializadas, nas quais um alto grau de resistência ao fogo é necessário.

Manutenção de um Sistema de éster de fosfato

Os usuários dos fluidos resistentes ao fogo nas plantas industriais devem observar a necessidade de uma maior vigilância no que diz respeito à manutenção de líquido que é normal para os fluidos minerais convencionais. Isso significa que não é suficiente alterar periodicamente os filtros, reparar alguns vazamentos ocasionais e verificar o nível do reservatório do fluido. Em média, os ésteres de fosfato custam cinco vezes mais do que os lubrificantes minerais.

A maioria dos fluidos resistentes ao fogo apresenta um grau consideravelmente maior de detergentes do que os fluidos do mineral. Conseqüentemente, as partículas de sujeira ou resíduos de desgaste não assentam no cárter tão facilmente. Esta tendência promove desgaste de bombas e outros componentes que afetam a função junto à válvula.


Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Suprimentos Industriais
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Suprimentos Industriais