Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

O que são riscos ocupacionais no trabalho?

Os vários tipos de riscos ocupacionais envolvem não só os riscos de acidentes com lesões, mas também os riscos psicológicos por motivo ocupacional.

Mais notícias relacionadas a segurança do trabalho:

Conceito de segurança intrínseca
Equipamento deve ser incapaz de liberar energia perto de materiais perigosos.


O que é um coletor de pó
Equipamento é fundamental para proteger trabalhadores dos efeitos nocivos da poeira eliminada com o trabalho ...


Princípios de segurança industrial
Apesar da pressão imposta pela demanda ou por gerentes e diretores, regulamentos de segurança nunca ...


O que são riscos ocupacionais no trabalho?Os riscos ocupacionais são os perigos que incidem sobre a saúde humana e o bem-estar dos trabalhadores associados a determinadas profissões. Embora sejam feitos esforços para reduzir os riscos de acidentes no trabalho, esses riscos continuam presentes em indústrias, empresas em geral, estabelecimentos comerciais e demais ambientes profissionais. Reconhecer os riscos ocupacionais é o primeiro passo para elaborar e implementar em programas de segurança do trabalho e redução de riscos com o intuito de manter a qualidade de vida dos trabalhadores, especialmente os que atuam em locais insalubres, como na indústria de mineração ou no setor elétrico.
-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Alguns trabalhos são, por natureza, extremamente perigosos. No entanto, alguns empregos que proporcionam inúmeros riscos costumam oferecem melhores salários aos seus empregados, em reconhecimento ao perigo ao qual eles ficam expostos, e geralmente também são cobradas taxas mais elevadas para o seguro-saúde do trabalhador. Por exemplo, o valor do seguro contra acidentes do Corpo de Bombeiros é maior do que o seguro feito para um escritório comercial pequeno, porque o pressuposto é de que o combate ao fogo é uma atividade muito mais arriscada.

Riscos ocupacionaisOs riscos ocupacionais podem levar a doenças, ferimentos ou morte. Isso inclui os riscos físicos, como quedas e acidentes com máquinas pesadas, juntamente com os riscos psicológicos, como a depressão e o estresse. Os riscos ocupacionais, com exposição a agentes químicos, biológicos e radiológicos, também são uma preocupação. Em setores onde os profissionais ficam à mercê de situações que podem gerar graves acidentes, um treinamento especial geralmente é fornecido para que os funcionários saibam como lidar com as condições adversas.

Dado que muitos riscos não podem ser eliminados completamente, as empresas precisam, então, tomar certas medidas a fim de minimizá-los, adotando planos de segurança do trabalho que levem em conta estratégias de prevenção de acidentes, treinamentos às equipes e campanhas por uso de equipamentos de proteção individual. Algumas empresas se comprometem tanto com o bem-estar de seus funcionários, que chegam a oferecer espaços de descontração, onde os profissionais podem passar por terapias em grupo e relaxar por alguns minutos.

Os empregados devem se certificar de que eles estão familiarizados com todos os riscos ocupacionais em seus locais de trabalho, e que sabem como lidar com o perigo. Isso abrange desde a postura adequada para digitação com a finalidade de reduzir as lesões por esforço repetitivo até verificar os equipamentos de segurança antes de iniciar as atividades na construção civil ou de manusear instalações elétricas. Os empregadores que deixarem de fornecer treinamento e equipamento adequados para o seu pessoal podem ser penalizados por agências governamentais regulamentadoras que monitoram as condições de saúde e de segurança dos trabalhadores. Mas cabe lembrar que os funcionários que se comportam de forma negligente em relação aos riscos profissionais também são passíveis de punições.

Saiba mais sobre riscos ocupacionais

riscos ocupacionais ergonômicos
riscos ocupacionais na construção civil
riscos ocupacionais na mineração
quais são as normas regulamentadoras que tratam de Segurança e Saúde
quais são os fatores de riscos ocupacionais
o que é periculosidade
o que é adicional de periculosidade
o que é insalubridade
o que é adicional de insalubridade
como comprovar a insalubridade de uma atividade
como comprovar a necessidade de receber o adicional de insalubridade
o que são doenças ocupacionais
o que é Comunicação de Acidente de Trabalho
o que é reabilitação profissional
o que é a CIPA
o que é SIPAT

Riscos ocupacionais ergonômicos

Os riscos ocupacionais ergonômicos incluem alguns problemas ergonômicos podem ser provocados por condições associadas ao trabalho. Há muitas maneiras de determinar quais são as condições do local de trabalho que levam aos problemas ergonômicos.

Os sintomas de problemas ergonômicos abrangem: dor nos pulsos, antebraços, cotovelos, pescoço ou costas, seguido de desconforto, dor ou formigamento, coceira ou dor nos olhos, perda de cor nas regiões afetadas, visão borrada ou dupla, cólicas, dormência ou sensação de queimação nas mãos, redução da força nas mãos, inchaço ou rigidez nas articulações do pulso, redução da amplitude de movimento dos ombro, pescoço ou costas, fraqueza, dores de cabeça por tensão e estresse com doenças relacionadas.

As principais causas são: Postura inábil, movimentos repetitivos, estresse no trabalho, vibrações, movimentos forçados, má instalação no local de trabalho, permanecer sentado na mesma postura durante longas horas contínuas e baixa encosto.

Tipos de problemas ergonômicos: Distúrbios osteomusculares, lesões repetitivas, Síndrome do Túnel do Carpo e outros problemas ergonômicos.

Riscos ocupacionais na construção civil

Os principais riscos ocupacionais na construção civil são as quedas de grandes alturas, acidentes com máquinas e equipamentos de escavação, eletrocussão e riscos de quedas de objetos pesados sobre os trabalhadores. Mas as quedas são a principal causa de lesões no setor da construção; por isso, o uso equipamentos de proteção e sinalização é algo necessário nessas áreas e em atividades que incluem algumas localidades, como rampas, passarelas, locais de escavação, áreas de elevação, buracos, áreas desprotegidas, telhados, entre outros.

Dispositivos de proteção contra quedas devem ser fornecidos pelas empresas de construção civil, e isto abrange sistemas de guarda-corpos, de rede de segurança, sistemas de proteção contra quedas, sistemas com dispositivos de posicionamento e sistemas sinalização.

Todos os funcionários devem ser treinados para entender a maneira correta de utilizar estes sistemas e para identificar os perigos. O funcionário ou o empregador será responsável pelo fornecimento dos sistemas de proteção contra quedas, assegurando o uso adequado desses sistemas.

Riscos ocupacionais na mineração

O setor de mineração é um dos que mais expõe o trabalhador a condições de riscos ocupacionais. Além de ficarem expostos ao contato com substâncias que podem gerar contaminação pesada, os trabalhadores das minas arriscam suas vidas ao permanecerem durante horas no subsolo, onde existem sérias chances de deslizes de terra. Para os funcionários que atuam em minas de mineração, além do uso de EPI´s, é essencial contar também com equipamentos de escavação eficazes e que proporcionem um trabalho rápido e seguro a todos.

Quais são as normas regulamentadoras que tratam de Segurança e Saúde

Todas as normas regulamentadoras visam promover a segurança e o bem-estar dos trabalhadores, mas cada norma (no total, são 34) é destinada a um setor específico, tendo como prioridade regulamentar, estabelecer e oferecer orientações sobre procedimentos obrigatórios atrelados à segurança e à medicina do trabalho em território brasileiro.

Quais são os fatores de riscos ocupacionais

Os fatores de riscos ocupacionais envolvem os fatores de riscos ambientais, que podem ser considerados agentes nocivos físicos (ruídos, vibrações, pressão, calor, etc), químicos (produtos e substâncias químicas e tóxicas) e biológicos (exposição a fungos, bactérias, vírus, parasitas, bacilos), ou a combinação de todos eles. Há também os fatores de riscos das operações: risco mecânico e ergonômico, abrangendo os riscos mecânicos, com cortes, quedas, amputações, queimaduras e outros, e ergonômicos, em que entram questões como má postura, movimentos repetitivos e monotonia.

O que é periculosidade

A periculosidade em segurança do trabalho é caracterizada como todo e qualquer risco imediato a que o trabalhador seja exposto em detrimento das atividades e das operações referentes às suas funções.

O que é adicional de periculosidade

Para compensar o profissional dos riscos ocupacionais aos quais muitas vezes ele é submetido, por lei, o trabalhador tem direito a receber o adicional de periculosidade, que significa o salário do empregado acrescido de mais 30%, sem considerar bônus, prêmios, participação de lucros ou outras gratificações.

O que é insalubridade

A palavra insalubridade vem do termo “insalubre”, ou seja, o que não é saudável e, portanto, pode provocar problemas de saúde e graves doenças ao trabalhador. Uma condição insalubre pode se referir a uma série de situações, dentro do ambiente laboral, nas quais o empregado seja exposto a riscos de lesões e acidentes, como o contato com produtos químicos pesados, por exemplo. Em refinarias e plantas industriais químicas, os índices de insalubridade são altos, e por isso é comum que os trabalhadores recebam um adicional de insalubridade.

O que é adicional de insalubridade

O adicional de insalubridade é pagamento adicional, excedendo-se gratificações e outros benefícios, ao trabalhador que se encontra executando atividades insalubres. De acordo a classe de insalubridade, o trabalhador pode receber 10% de adicional (grau mínimo), 20% (grau médio) ou 40% (grau máximo).

Como comprovar a insalubridade de uma atividade

Conforme o Ministério do Trabalho, a Norma Regulamentadora 15 (NR-15) determina e caracteriza um trabalho insalubre, que pode ser classificado em grau mínimo, grau médio e grau máximo.

Como comprovar a necessidade de receber o adicional de insalubridade

De acordo com o Ministério do Trabalho, a legislação determina e aponta quais os agentes são considerados nocivos à saúde do trabalhador. Portanto, somente a apresentação de laudo pericial comprovando a existência desses agentes não é o suficiente para comprovar a necessidade de recebimento do adicional de insalubridade. Para que o trabalhador receba esse benefício, a atividade em questão analisada como insalubre pelo laudo pericial deve estar prevista na NR-15.

O que são doenças ocupacionais

As doenças ocupacionais são todas as enfermidades apresentadas pelo trabalhador que tenham relação comprovada com as suas atividades profissionais e que tenham sido causadas em decorrência da atividade ocupacional.

O que é Comunicação de Acidente de Trabalho

A Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT) é um documento destinado a reconhecer um acidente de trabalho ou uma doença ocupacional e que deve ser emitido pela empresa onde o funcionário acidentado trabalha, num período de 24 horas, ou prontamente após ocorrer o óbito, se for o caso. Além da própria empresa, um médico, sindicato, autoridade pública e dependente do segurado também podem expedir este documento, mesmo fora do prazo de ocorrência do acidente, fatal ou não. Nesse caso o INSS despachará uma carta à empresa a fim de que ela emita sua Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT).

O que é reabilitação profissional

A reabilitação profissional é um serviço oferecido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aos seus dependentes e segurados, além dos deficientes que não contribuam com o INSS. Este tipo de serviço é isento de carência, sendo uma atividade multiprofissional com a finalidade de introduzir ou reintroduzir o profissional no mercado de trabalho, oferecendo treinamentos, próteses e órteses gratuitamente, bem como transporte e hospedagem.

O que é a CIPA

De acordo com a Legislação brasileira, a CIPA - Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – é uma comissão formada, de modo paritário, por membros escolhidos pelos trabalhadores e de representantes nomeados pelo empregador. A CIPA visa à prevenção de acidentes e lesões provenientes das atividades laborais, de modo a tornar permanentemente equilibrado o desempenho das funções com a manutenção da saúde e a preservação da vida do trabalhador.

O que é SIPAT

A SIPAT, ou Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho, é um evento obrigatório organizado em todas as organizações e empresas brasileiras que seguem as normas estabelecidas na legislação da CLT. A SIPAT deve ser preparada todos os anos pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) com a finalidade de conscientizar os empregados sobre a importância da prevenção de acidentes e riscos ocupacionais e preservar a saúde e a segurança do trabalhador no ambiente laboral.


Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a segurança do trabalho:

Segurança na operação de guindastes

Guindastes são equipamentos de diferentes tamanhos e formatos usados para levantar cargas pesadas em diversos locais de trabalho. Essas máquinas são eficientes, rentáveis e bastante seguras ...
Foxconn admite trabalho infantil em suas fábricas

A fabricante de eletrônicos Foxconn, responsável pela montagem eletroeletrônicos para Sony, Apple e Dell, admitiu que contratou trabalhadores menores de idade em uma fábrica na China ...
Usabilidade e ergonomia

Em ergonomia, o conceito de usabilidade envolve fatores humanos e se concentra em fazer as coisas utilizáveis da melhor maneira possível. Isso pode abranger fazer as coisas acess ...
Pesquisa revela falta de confiança no monitoramento de gás

Um levantamento feito no setor industrial no Reino Unido apontou uma série de preocupações em relação aos sistemas de detecção de corrente de gás. A ...
Saiba mais sobre a norma ISO 14644

A Organização Internacional para Padronização (International Standard Organization ou ISO) desenvolve padrões que ajudam os países a atingir objetivos comuns relacionados a segurança, meio ambiente ...
Luvas de látex preto para proteção

Luvas de látex preto são modelos de luvas de proteção que foram corados com um corante negro, de modo que fiquem com coloração preto profundo, em ...
Luvas de PVC ajudam na segurança dos trabalhadores

Cloreto de polivinilo, mais conhecido como PVC, é um termoplástico polímero que é utilizado para revestir o exterior das luvas de segurança, a fim de proporcionar proteção contra ...

Segurança do Trabalho
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Segurança do Trabalho


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google