A Honda, uma das maiores montadoras japonesas, esclareceu no último dia 3 de março que vai irá realizar o recall de quase 37 mil veículos híbridos de modelo Civic nos Estados Unidos. A Honda disse que um conversor com defeito no sistema de controle híbrido pode levar à parada do motor e ao mau funcionamento dos faróis.

Não houve registros de feridos ou de acidentes notificados em relação ao problema, que afeta os modelos 2006 e 2007. Essa informação surgiu duas semanas depois que a Honda comunicou o recall de aproximadamente 700.000 veículos em todo o mundo devido a problemas em peças defeituosas, que poderiam impedir o motor de funcionar corretamente em alguns modelos de carros.

Honda já recolheu mais de quatro milhões de veículos desde fevereiro de 2010, por uma série de motivos diferentes, enquanto a Nissan retirou cerca de 3,5 milhões no mesmo período. A Toyota se atolou em uma crise, quando recordou quase nove milhões de veículos entre o final de 2009 e fevereiro do ano passado devido a defeitos de freio e do acelerador, que poderiam provocar acidentes e prejudicar a imagem de confiabilidade da empresa.

Como as críticas aumentaram por causa de resposta lenta e sua rigidez burocrática, a Toyota reforçou a sua política de recall e retirou cerca de 16 milhões de unidades desde o final de 2009 com base em uma série de questões.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas