O vice-presidente e CFO (chefe de departamento de finanças) da General Motors, Chris Liddell, anunciou neste dia 10 de março que vai deixar a empresa em 01 de abril de 2011. Liddell, 52 anos, entrou na GM em janeiro de 2010 e liderou as operações financeiras e contábeis da empresa em uma base global.

"Chris foi um dos principais contribuintes durante um momento crucial na história da companhia", disse Dan Akerson, presidente e CEO da GM. "Ele guiou o processo de IPO da empresa e estabeleceu uma boa base financeira para o futuro".

Dan Ammann sucederá Liddell como diretor de finanças General Motors a partir de 01 de abril de 2011. Ammann, 38, é atualmente vice-presidente de Tesouraria da GM.

"Eu vim para a General Motors para me tornar parte de algo grande", disse Liddell. "Meu objetivo era ajudar a reconstruir esta empresa icônica, e estou particularmente satisfeito que, através deste processo, tenhamos também desenvolvido um forte sucessor, Dan Ammann".

Ammann tem desempenhado um papel importante nas decisões financeiras na nova GM. Ele tem participado ativamente na definição das estratégias financeiras e da redução da dívida da empresa.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas