Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Tipos de pallets para manuseio de cargas

O mercado industrial disponibiliza muitos modelos e tipos de pallets, como pallets de plástico, de metal e de madeira.

Mais notícias relacionadas a suprimentos industriais:

Nanopartículas de óxido de zinco
Partículas individuais de óxido de zinco têm tamanho reduzido, que pode chegar a até 20 ...


Diferenças entre resinas e polímeros
Polímeros passam por um processo especial, chamado polimerização; já as resinas apresentam capacidade de serem ...


Titânio em pó
O processo de transformar o metal em pó não deixa resíduos e mantém a durabilidade ...


Tipos de pallets Os tipos de pallets, ou paletes, são plataformas usadas para transportar mercadorias durante todo o seu ciclo de vida; os paletes acompanham e transportam a carga nas fábricas, em caminhões, armazéns e lojas. Há diferentes tipos de paletes, sendo os mais comuns os paletes de madeira, paletes de metal, de plástico e de papelão, cada um com suas vantagens e desvantagens.

Muitas empresas estão começando a perceber a importância da reutilização de paletes, bem como de sua reciclabilidade. Um palete descartável pode ser menos caro se forem levados em conta fatores como menor custo de reposição; além disso, a despesa total de produção dos paletes descartáveis é frequentemente superior ao custo dos modelos de paletes recicláveis.

Tradicionalmente, a maioria dos paletes comuns era feita de madeira. A madeira é abundante, forte, flexível e fácil de montar. Os paletes de metal possuem fortes vantagens em relação à sua durabilidade, resistência e facilidade de conserto. No entanto, eles são muito caros em termos de fabricação e muito pesados para o transporte. Algumas indústrias, no entanto, utilizam os modelos de paletes de aço mais resistentes para o transporte de mercadorias pesadas ou volumosas e que necessitam de todo o cuidado no manuseio.

Pallets de madeira

                                                                                          Pallets de madeira

Características dos paletes de madeira:

  • Os paletes de madeira normalmente pesam por volta de 30 kg, sendo feitos principlamente de peroba-rosa, pinus e eucalipto.
  • Entradas – O número de entradas permite o encaixe dos garfos de empilhadeiras ou de carros hidráulicos.
  • Paletes sem vãos - Não existem vãos entre as tábuas que compõem o palete.
  • Paletes com vãos – Existem vãos de tamanhos variáveis entre as tábuas que compõem o palete.
  • Paletes com longarinas – As longarinas são vigas de madeira para apoiar a instalação das tábuas que formarão o palete.
  • Palete de madeira abaulada - São aproveitadas tábuas sem quinas para evitar rasgar a embalagem das mercadorias.
  • Palete dupla face – Este tipo de palete possui tábuas em cima e embaixo, reversíveis ou não.
  • Reversível - É o palete que possui o mesmo número e tamanho de tábuas em cima e embaixo.
  • Abas laterais – Pallet com tábuas que ultrapassam as longarinas das pontas para haver uma sobra para o içamento por cabos.

Vários processos de molde e diversos tipos de materiais podem ser aproveitados na criação de diferentes tipos de paletes de plástico. Por exemplo, os paletes moldados por injeção são rígidos e leves, mas não podem suportar um impacto muito forte. Já os paletes de espuma estrutural são mais fortes, pois são flexíveis e podem conter uma quantidade substancial de peso. As matérias-primas em paletes de espuma podem ser parcialmente reutilizadas, mas elas não são recicláveis.

Os paletes também podem ser produzidos com base no processo de termoformagem. Algumas folhas plásticas são aquecidas e aspiradas em um molde onde se arrefecem na forma desejada. Esse processo é menos caro do que outros métodos, mas, infelizmente, os paletes termoformados tendem a ser mais fracos do que outras variedades desses suprimentos.

Outro tipo de palete que chegou ao final dos anos 1990 é o palete de papelão. Totalmente descartável através da reciclagem e muito barato de confeccionar, esses palates quase funcionam como embalagens extras para caixas. Eles são constituídos, basicamente, de papelão ondulado, com reforços estruturais. O melhor de tudo eles são tão leves e quase não afetam os custos de transporte.

Pallets de plástico
Pallets de plástico

Pallets de plástico ecologicamente correto:

O pallet de madeira permanece com força total nos setores de transporte, distribuição e armazenamento de produtos fabricados em todo o mundo. Sua preeminência foi ditada principalmente pelo custo, mas os paletes de plástico continuam em alta por causa de sua durabilidade, possibilidade de reutilização e peso leve. Os tipos de paletes de plástico feitos por moldagem por injeção de espuma estrutural, termoformagem, rotomoldagem e moldagem por compressão estão ganhando aceitação em uma variedade de mercados, incluindo as indústrias de alimentos e bebidas, de produtos farmacêuticos, produtos alimentícios, entre outras.

A dificuldade e o custo de eliminação dos paletes de madeira tem sido sempre uma preocupação, mas o foco de hoje sobre o meio ambiente está alimentando um interesse real e renovado nos plásticos. A reutilização é um grande atrativo e vários fabricantes de paletes de plástico têm capitalizado mais dinheiro apostando na produção e no uso de pallets em materiais de baixo custo e que possam competir favoravelmente com madeira. Uma forma de manter os custos baixos é a utilização de resina reciclada e de sucata reciclada.

Pallets de aço

Pallets de aço

Muitos observadores prevêem que os modelos de paletes de plástico ecologicamente correto possuem um papel ainda mais fundamental, pois as empresas têm adotado um maior nível de automação em seus armazéns. Maior automação requer repetibilidade e confiabilidade, e por isso os paletes plásticos adaptados, resistentes e de peso leve oferecem uma vantagem distinta sobre os pallets de madeira, que são mais vulneráveis à fragmentação, à rachaduras e ao mofo.

O fato de que os plásticos usados na fabricação dos paletes podem ser os chamados “plásticos ecologicamente corretos” atrai ainda mais a atenção das grandes empresas, que se comprometem mais com o meio ambiente e buscam soluções eficazes de baixar os custos de produção.

Saiba mais sobre modelos e tipos de pallets

pallets de aço
pallets de madeira
pallets de plástico
pallets de papelão
locação de pallets
reforma e manutenção de pallets
leilão de pallets
pallets de borracha
caixa paletizada
pallets de contenção
paletização
comitê Permanente de Paletização
porta pallets
onde comprar pallets
comercialização de pallets PBR
paleteiras

Pallets de aço

Assim como outros tipos de pallets, os pallets de aço são essenciais no setor de armazenagem e logística, pois ajudam no transporte e manuseio de cargas e mercadorias leves e pesadas. Os pallets de aço são mais duráveis e mais caros do que os feitos de madeira ou de plástico. Produzidos em formato quadrangular ou retangular, essas plataformas possuem rodas de deslocamento que ajudam a transportar mercadorias por longas distâncias.

Pallets de madeira

Os pallets de madeira são recicláveis e reutilizáveis, e muitas empresas podem cortar seus custos apostando na compra de pallets de madeira reutilizados, ou até mesmo na locação de pellets de diversos tipos. Os modelos de pallets, ou paletes de madeira, normalmente são fabricados em tamanho padrão (48 x 40 cm), mas muitas fábricas produzem essas plataformas com tamanho personalizado para atender às necessidades dos clientes.

Pallets de plástico

Os métodos de moldagem por injeção, rotomoldagem, moldagem por compressão e termoformagem são os métodos de processamento dominantes na produção de pallets de plástico. Cada um dos cinco principais processos usados para fazer paletes tem suas próprias vantagens em termos de desempenho, produtividade e aplicação de uso final. A moldagem por injeção usa a alta pressão para produzir mais peças projetadas com geometrias complexas. É um processo de alta produção, mas as ferramentas necessárias para a produção desses pallets pode ser bem onerosas.

Pallets de papelão

Um pallet de papelão é construído com chapas rígidas e onduladas de papelão, que são coladas uma sobre as outras. A camada inferior é construída com folhas de papelão liso, então espaçadores são criados para permitir que as lâminas das empilhadeiras possam se encaixar debaixo dos paletes. Atualmente, o palete de papelão é considerado como uma plataforma descartável com capacidades limitadas, por isso não é tão usado no setor de armazenagem como os pallets de aço e de madeira, por exemplo.

Locação de pallets

No Brasil, muitas empresas fazem a locação de pallets de todos os tipos, o que otimiza os negócios das empresas de logística, reduzindo também os custos com a compra de pallets novos e usados. As empresas de aluguel de pallets oferecem paletes novos e usados, tanto de madeira, quanto de plástico reciclado, metal, papelão, paletes PBR, octogonais, entre outros. Empresas como a Logiscal (www.logiscal.com.br/locacao-de-paletes-de-madeira.html) fazem esse tipo de serviço.

Reforma e manutenção de pallets

É sempre bom lembrar que, como qualquer equipamento ou máquina usados na indústria, os pallets são dispositivos importantes e que requerem reforma e manutenção constantes. Para realizar a reforma e manutenção de pallets é preciso respeitar o material com que cada plataforma é produzida. O palete de madeira, por exemplo, pode se rachar, já o palete de metal pode sofrer de corrosão, assim como o palete de plástico pode sofre com rachaduras se for colocado sobre ele mais peso do que o suportável. Existem empresas especializadas que prestam os serviços de manutenção de paletes, oferecendo as melhores condições de pagamento.

Leilão de pallets

Vale lembrar que hoje em dia é comum ocorrerem leilões de diversos tipos, que abrangem tanto a compra e venda de produtos industriais, quanto dos pallets. O leilão de pallets não é um evento exclusivo para este tipo de negociação, mas nele é possível comprar e vender pallets novos e usados, com ofertas que cabem no bolso.

Pallets de borracha

Os pallets de borracha estão entre os tipos de paletes mais usados atualmente, por serem plataformas resistentes e poderem ser feitas com borracha reciclada. Além de oferecer economia no processo de fabricação, economia esta que é repassada aos consumidores, o palete de borracha reciclada reduz os impactos ao meio ambiente. A borracha é um material resistente, durável e pode ser aproveitada na produção de paletes personalizados.

Caixa paletizada

A caixa paletizada pode ser feita de madeira, papelão, metal e plástico, e, assim como os paletes, pode contar com duas ou quatro entradas, além de longarinas, travas, entre outras características. A principal diferença é que a caixa paletizada é totalmente fechada, permitindo a armazenagem de produtos mais frágeis e que não podem ficar expostos em pallets abertos.

Pallets de contenção

Para transportar tambores ou outros recipientes com líquidos perigosos, sem que haja o risco de vazamentos, é importante usar pallets de contenção, que são fabricados de modo personalizado. Os fabricantes de paletes de contenção produzem os pallets de diferentes tamanhos, capacidades de contenção e em variados materiais, que vão desde os pallets de madeira, passando pelos pallets de metal, de borracha e de plástico. Os modelos de pallets de contenção novos e usados oferecem uma camada extra de proteção para tambores ou outros recipientes.

Paletização

Método de armazenamento e transporte de mercadorias empilhadas em um palete, que é transportado como uma unidade de carga. O sistema de paletização, seja convencional ou paletização robótica, permite diferentes modos de manipulação de cargas com equipamentos mecânicos comuns, como as empilhadeiras.

Comitê Permanente de Paletização

O Comitê Permanente de Paletização (CPP) é uma comissão criada em 23 de agosto de 1990, vinculada à Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), sendo também coordenada por esta entidade, que tem por objetivo propagar o uso do Palete Padrão de Distribuição, gerir o credenciamento dos fabricantes e administrar o controle e a auditoria da qualidade e administrar e dar curso a manutenção e todo o controle do Palete padrão.

Porta pallets

Os porta pallets são sistemas de estrutura deslizantes sobre trilhos essenciais ao setor de transportes e logística. Esses porta paletes deslizantes facilitam o transporte e a estocagem de materiais e de mercadorias, uma vez que utiliza somente um corredor para movimentação da empilhadeira. Os porta pallets podem ser feitos de aço durável e resistente, que suporte o peso do pallet e da carga a ser transportada.

Onde comprar pallets

Para quem pretende investir na compra de pallets de diferentes materiais, é preciso conhecer algumas lojas especializadas, inclusive as lojas virtuais que oferecem diversos tipos de pallets, sistemas de paletização, porta paletes e outros produtos. Os preços podem variar muito dependendo do tamanho do palete, do material usado no projeto e de algumas características específicas que diferenciam os paletes e facilitam o manuseio da carga. Em sites especializados é possível encontrar esses produtos, que muitas vezes são entregues em várias regiões do país.

Comercialização de pallets PBR

Por toda o Brasil, há diversos fabricantes que fazem a comercialização de pallets PBR, que são os tipos de pallets padronizados para manuseio e transporte de cargas e mercadorias. No site www.palletecia.com.br, por exemplo, os clientes encontram pallets PBR novos, semi-novos e usados, porém em bom estado de conservação.

Paleteiras

As paleteiras são tipos de carrinhos, como se fossem pequenas empilhadeiras, mas de construção mais simples. Esses carrinhos, que podem ser carrinhos elétricos, carrinhos hidráulicos, ou pneumáticos, possuem dois grandes garfos que se encaixam por debaixo dos pallets, elevando e transportando os paletes para vários locais. Já as paleteiras manuais são controladas pelo próprio operador, e não utiliza um motor elétrico, assim como as paleteiras elétricas, que possa mover o dispositivo.


Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a suprimentos industriais:

O que é velcro industrial

O velcro® de força industrial é uma marca de prendedores feitos pela Velcro Industries. Essa versão do produto já conhecido da marca foi concebida para aplicações mais pesadas ...
Plástico resistente ao calor

Plástico resistente ao calor é um corpo de material composto de substâncias químicas sintéticas, usualmente polímeros, os quais criam uma variedade de propriedades físicas. Átomos ...
Tipos de pó inseticida

Pó inseticida é usado para matar vários tipos de insetos ao ar livre e dentro de ambientes. No interior de edifícios, o pó é aplicado ao longo das rachaduras perto ...
Para que são usados os inseticidas

Inseticidas são de uso comum na agricultura, bem como em plantas em jardins e espaços vivos, com o intuito de controlar a invasão de uma matriz aparentemente ...
Usos do naftaleno

O naftaleno, ou naftalina, é um produto químico utilizado para fazer inseticidas, lubrificantes, resinas, solventes muitos outros produtos de consumo comerciais. Este pó sólido branco é mais conhecido como naftalina ...
Usos da DMDM-hidantoina

Dimetilol dimetil-hidantoína (DMDM-hidantoína), é um ingrediente conservante comum encontrado em produtos cosméticos, na produção de materiais de construção e em artigos domésticos. O composto qu ...
Produção de formaldeído

Compostos orgânicos, simples ou complexo, podem ser produzidos de várias maneiras. Apenas os de melhor custo-benefício podem ser utilizados para a produção comercial. A produção ...

Suprimentos Industriais
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Suprimentos Industriais


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google