BMW anuncia resultado recorde em 2010Os resultados financeiros registrados pela montadora de luxo BMW ilustraram o poder da máquina exportadora alemã, com a China emergindo como um grande mercado para a indústria alemã de automóveis, superando até mesmo os Estados Unidos.

BMW registrou receita e lucro líquido recordes em 2010, em parte devido a um salto de 85,3% nas vendas para o mercado chinese, além de Hong Kong e Taiwan, enquanto a Alemanha viu as exportações totais aumentaram 24,2% em janeiro deste ano.

A empresa disse que seu lucro líquido de 2010 foi até 15 vezes maior, batendo um recorde de € 3.230.000.000 (4,45 bilhões de dólares americanos), comparados aos 210 milhões de euros em 2009. As receitas subiram 19,3%, enquanto o salário do núcleo, antes de contabilizar os juros e impostos (EBIT), foram 17 vezes maior.

"Estamos extremamente satisfeitos com a evolução ao longo do exercício anterior”, salientou o presidente da BMW, Norbert Reithofer, destacando que a empresa espera bater o recorde de vendas este ano novamente em pelo menos 1,5 milhões de veículos. Um total de 183.328 veículos BMW foi enviado para a China, Hong Kong e Taiwan no ano passado, colocando a região em terceiro lugar, atrás da Alemanha, com 267.160, e os Estados Unidos, com 266.580 veículos.

O valor de todas as exportações alemãs chegou a 78,5 bilhões de euros (108.700.000 mil dólares americanos), em janeiro, segundo informou a agência de estudos estatísticos Destatis, enquanto as importações aumentaram 24,1%, ou seja, 68,4 bilhões de euros. Este fato produziu um superávit comercial de 10,1 bilhões de euros, bem acima dos 8.1 bilhões de euros em Janeiro de 2010.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas