Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Nissan monitora fábrica de veículos devido à radioatividade no Japão

Testes vão continuar até que a empresa esteja confiante acerca de que quaisquer riscos de contaminação estejam completamente descartados.

Mais notícias relacionadas a energia:

Parques eólicos offshore
Plantas de geração de energia podem ser erguidas em rios, lagos e no mar.


Como funciona a Caixa de Bloom
Esta é uma adaptação da tecnologia de células de combustível de óxido sólido, que gera ...


O que é combustível sem fumaça
Alguns combustíveis sólidos comuns que normalmente são considerados sem fumaça são carvão antracite, coque, carvão ...


Nissan monitora fábrica de veículos devido à radioatividade no JapãoA Nissan Motor, uma das mais importantes montadoras do mundo, afirmou no último dia 18 de março que iria acompanhar toda a produção se seus veículos feitos no Japão em razão dos riscos de radioatividade, em meio à preocupação internacional sobre os esforços para evitar uma catástrofe nuclear em uma usina atômica atingida pelo tsunami.

"Continuaremos implementando todas as medidas adequadas para garantir ao público que todos os produtos de nossa empresa estejam dentro de padrões de segurança globalmente aceitos", salientou a empresa. Os testes continuarão "até que estamos confiantes de que qualquer risco de contaminação esteja completamente descartado", disse a montadora.

Nissan MotorTentativas estão sendo feitas pelas Forças de Defesa do Japão para encharcar as barras de combustível e evitar uma liberação de radiação calamitosa na central de Fukushima No. 1.

O governo estabeleceu uma zona de exclusão de 20 quilômetros e pediu aos moradores que vivem até uma região de 30 quilômetros da usina para ficarem dentro de suas casas, pois os níveis de radiação já atingiram o pico em algumas áreas nas proximidades.

Os dois desastres naturais, o terremoto e tsunami, destruíram os sistemas de refrigeração de alguns reatores na planta atômica, comprometendo o funcionamento dos reatores e provocando uma série de explosões e incêndios. Autoridades já adotaram medidas para manter as barras de combustível dentro dos reatores em tipos de poças de contenção de água. Se essas barras forem expostas ao ar, elas poderiam se degradar ainda mais e, com isso, haveria a emissão de mais material radioativo na atmosfera.



Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a energia:

Destilador usa energia solar para purificar água

A empresa israelense SunDWater lançou um dispositivo ecológico e de baixo custo e manutenção que usa energia solar para limpar água poluída ou salgada. A novidade ...
Cummins Diesel concentra forças no Nordeste brasileiro

O término de algumas obras do PAC e a conclusão de unidades fabris no Nordeste do Brasil nos últimos anos têm levado empresas do setor energético ...
Como funciona um ímã supercondutor

Um ímã supercondutor é um eletroímã, onde as bobinas são feitas de um supercondutor tipo II. Ele pode facilmente criar campos magnéticos contínuos de 100.000 Oersted ...
Energia mecânica elétrica

Energia mecânica elétrica pode ser criada de duas maneiras: com um gerador elétrico ou um motor. O termo gerador elétrico é usado para descrever uma série ...
O que é sustentabilidade energética

A sustentabilidade energética desempenha um papel importante no nosso mundo e na atual geração populacional. É uma forma de sermos capazes de fazer uso dos recursos presentes num processo ...
Chile solicita licitações para exploração solar na América do Sul

O Chile vai solicitar propostas no próximo ano para construir a maior fazenda solar da América do Sul, pois o governo pretende dar o pontapé inicial de investimentos ...
Campanha da Eletrobras desmistifica energia nuclear

A Rota da Energia Nuclear, novo projeto da Eletrobras, tem como objetivo explicar de forma didática como é feita a produção de energia nessas usinas. A ação, criada ...

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google