Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Fundição Tupy quer instalar unidade de ferro-gusa no ES

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


A Fundição Tupy deve instalar uma unidade para produção de ferro-gusa no Espírito Santo. A empresa não comenta o assunto, mas de acordo com o governo do Estado, a Tupy tenta, via um programa de incentivos fiscais, instalar-se no município de Cachoeiro do Itapemirim.

De acordo com Eliene dos Santos Lima, técnica do grupo de análise do Banco de Desenvolvimento do Estado (Bandes) e da Secretaria da Fazenda do Espírito Santo, a Tupy apresentou projeto, que será analisado até o fim desta semana, para fabricação de ferro-gusa, granalha de aço e perfis de ferro fundido. A intenção da empresa é investir R$ 74,5 milhões e gerar 286 empregos diretos.

O presidente da Tupy, Luiz Tarquínio, diz apenas que a companhia está analisando formas de diminuir seus custos com matéria-prima. Dentro deste contexto, ele indica que a empresa está analisando as hipóteses possíveis. Hoje, a fundição compra matéria-prima no mercado e esta seria a primeira vez que passaria a produzi-la para consumo próprio.

Os acionistas da Tupy - a empresa é controlada desde 1995 por um pool de fundos de pensão e bancos, entre eles Previ, Telos e BNDESpar - foram apresentados ao projeto de expansão no fim da última semana.

Tarquínio afirma que é difícil mensurar o impacto que a alta de preços de matérias-primas está tendo no balanço da empresa até o terceiro trimestre deste ano, mas destaca que a margem de rentabilidade ficou prejudicada com o atual cenário. De janeiro a setembro de 2003 a empresa teve um lucro operacional menor do que no mesmo período deste ano, mas a margem estava maior do que a atual. No ano passado foi de 14%, enquanto nos nove primeiros meses de 2004 caiu para 12%. Segundo ele, a situação de demanda maior para os produtos tem levado a Tupy a gerar caixa com um sacrifício maior.

'Ainda bem que essa situação gera um lado positivo. Se de alguma forma eleva os preços, a demanda mais aquecida por matéria-prima significa aumento de procura pelos produtos que a Tupy fabrica', afirma. Tarquínio destaca que não está conseguindo repassar totalmente o aumento de preços das matérias-primas para seu produto final.

O aumento médio de preços de matérias-primas derivadas de ferro foi de 40% neste ano, de acordo com analistas do setor. E para 2005, não se espera um movimento de queda significativo, já que Estados Unidos e China não devem diminuir o ritmo de forma acentuada. No mercado nacional, a Usiminas já tem aumento de 16% programado para janeiro no segmento de chapas de maior espessura.

Segundo a Tupy, a fábrica não implicaria em fechamento da unidade em Joinville (SC), tratando-se de uma expansão.

A decisão sobre o pedido da Tupy sai na sexta-feira, quando uma comissão composta por executivos do Bandes e de secretarias do Estado vai analisar a geração de emprego e renda do empreendimento. A empresa informou na documentação a intenção de iniciar a produção já no primeiro semestre de 2005.

Para um analista da corretora Socopa, em São Paulo, o movimento de produção de matéria-prima própria como a Tupy pretende fazer não deve ocorrer em outras empresas. Ele afirma que a exploração de minérios é custosa e este mercado é feito de grandes empresas, o que inviabilizaria a entrada de companhias de porte menor. 'O gasto é alto e o processo é demorado porque é preciso licença ambiental e apoio de governos para políticas de incentivos. Mais fácil seria conseguir repassar este aumento de preços', diz o analista.

Valor

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google