Voluntariado corporativo nas indústriasIncentivar os trabalhadores a participar nas atividades da comunidade através de programas patrocinados pela empresa, sem dúvida, é uma forma de a empresa desempenhar bem seu papel em relação aos conceitos de responsabilidade social. O voluntariado corporativo permite que as pessoas contribuam com suas habilidades e conhecimentos para uma organização sem fins lucrativos e participem ativamente na melhoria das comunidades locais.

O trabalho de voluntariado empresarial possui baixo custo, poucos riscos e contribui para a formação da conscientização de todos os empregados de uma empresa. O serviço de voluntariado empresarial é uma oportunidade para os potenciais parceiros de experimentar um relacionamento corporativo em trabalhos conjuntos, conhecendo outras empresas e suas diretrizes antes de embarcar em algo mais complexo, como uma fusão de empresas, por exemplo. Os programas de voluntariado empresarial podem ser estruturados de modo formal ou informal.

Voluntariado empresarialUm programa de voluntariado empresarial pode começar de várias maneiras:

• um funcionário se prontifica a começar um trabalho voluntário e, em seguida, pede o apoio do empregador para desenvolver um plano mais eficaz e abrangedor, incluindo treinamentos para toda a equipe responsável pelo programa.
• uma empresa decide apoiar uma organização em particular, e convida os funcionários a contribuir com suas habilidades no tempo em que ele estiver disponível.

Um maior benefício será obtido para os parceiros e participantes desde que o programa de voluntariado corporativo seja reconhecido e baseado nas diretrizes da responsabilidade social. Uma vez que a organização decide planejar e desenvolver um programa de voluntariado empresarial em sua comunidade, além de identificar as áreas onde a ajuda é necessária, uma proposta de base deve ser apresentada.

Embora o termo “ voluntariado” remeta a uma ação espontânea, na qual o voluntário saiba que não terá nenhum tipo de recompensa material, muitas empresas estimulam seus empregados a prestarem serviços oferecendo-lhes algo em troca, como cursos, promoções, bônus e até mesmo doações para a comunidade onde vive o empregado.

Cabe lembrar que não somente os executivos da empresa devem discutir os serviços oferecidos à população, mas a própria comunidade deve ter acesso ao planejamento, já que eles podem contribuir com idéias importantes e significativas. Outro detalhe essencial é que os parceiros potenciais devem ser identificados e abordados. Em seguida, um acordo é desenvolvido e documentado em prol da construção de um planejamento de voluntariado corporativo, que vise à melhoria na comunidade e o sucesso empresarial.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Responsabilidade Social
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Responsabilidade Social