A OSX, companhia do Grupo EBX e que pertence à área de equipamentos e serviços destinados à indústria offshore de petróleo e gás, confirmou o recebimento das estacas que serão utilizadas no sistema de ancoragem de sua primeira unidade flutuante de produção, armazenamento e descarregamento de óleo e gás, o FPSO OSX-1. As dez estacas foram projetadas e construídas na China, com 33,6 m de comprimento e 2,3 metros de diâmetro e pesando 107 toneladas cada uma delas. As peças auxiliam a fixar a unidade no fundo do mar.

Em janeiro deste ano, desembarcaram no Brasil as amarras que constituem o sistema de ancoragem da unidade flutuante OSX-1. A instalação antecipada do sistema de amarração, que ocorrerá no Rio de Janeiro, admitirá a conexão da unidade de forma breve, encurtando o período entre a chegada do OSX-1 em águas brasileiras e a data de início da operação da unidade, o que deve acontecer no segundo semestre de 2011.

Já em fase final de customização no estaleiro de Cingapura, o FPSO OSX-1 será fretado por 20 anos à OGX, período em que permanecerá operando na Bacia de Campos, no Rio de Janeiro.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás