Google investe em usina solar alemãA Google anunciou nesta quinta-feira, 07 de abril, que fará um investimento de milhões de dólares (o valor correto não foi informado) em uma usina de energia solar nos arredores de Berlim, capital alemã. Este é o primeiro investimento da empresa em projetos de energia limpa na Europa. No entanto, a companhia também tem investido em projetos de energia eólica nos Estados Unidos.

A Google confirmou que deverá lavrar $ 5,0 milhões em uma das maiores usinas de energia solar da Alemanha, localizada no estado de Brandenburg, que circunda, mas não inclui a capital Berlim. "Até o início de 1990, o local foi usado como campo de treinamento pelo exército russo. Ficamos felizes de ter encontrado uma nova finalidade para a região", disse a empresa em um post em seu Blog Europeu de Políticas Públicas.

A empresa também destacou que a planta deve fornecer energia para 5.000 casas na área. O investimento ainda precisa da aprovação oficial. O anúncio foi feito enquanto o governo alemão luta com a sua política futura de energia nuclear em meio à catástrofe nuclear no Japão.

No decorrer da crise, a chanceler Angela Merkel anunciou uma moratória de três meses referente a uma promessa anterior para estender a vida útil de 17 reatores nucleares da Alemanha. Desse total, sete deles estão, temporariamente, desligados para a realização de serviços de inspeção de segurança pendentes.

A Alemanha pretende cessar o quanto antes as operações com energia nuclear, prometendo acelerar o progresso em direção a implementação de formas mais limpas de geração de energia, como é o caso da energia solar.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia