Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Panasonic pode cortar 17 mil empregos em dois anos

Desde março de 2010 já havia cortado 17.650 vagas, no momento em que a companhia mantinha 384.586 empregados.

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


Panasonic pode cortar 17 mil empregos em dois anosA gigante japonesa do setor eletrônico, a Panasonic, afirmou em 27 de abril que deverá cortar mão de obra em nível global em dois anos, uma redução de cerca de 17 mil cargos, em uma tentativa de racionalizar as suas operações. Os planos da empresa também incluem gastos de cerca de R $ 1,9 bilhão nos próximos dois anos na reestruturação de uma unidade para aumentar a sua competitividade global.

No começo deste mês, a Panasonic anunciou o fechamento das negociações de compra de ações da Sanyo e da Panasonic Electric, que se tornaram subsidiárias integrais da Panasonic, com sede em Osaka. Os cortes de empregos significam uma redução de 10% no quadro de funcionários da Panasonic, que desde março de 2010 já havia cortado 17.650 vagas, no momento em que a companhia mantinha 384.586 empregados. O objetivo é que até 2013, a empresa conte com 350 mil funcionários.

O presidente da empresa, Fumio Ohtsubo, disse que a Panasonic deve integrar algumas operações com o intuito de aumentar a competitividade do grupo. "Estamos planejando agilizar os negócios em sobreposição aos negócios da Sanyo", frisou Fumio.

Ohtsubo não entrou em detalhes sobre como os empregos serão demitidos, mas a mídia local informou que a empresa iria oferecer incentivos em prol da reformulação antecipada, principalmente em bases de produção no exterior, bem como aos funcionários em sua sede.

Ohtsubo afirmou que a empresa preparou-se para tempos difíceis após o terramoto de 9,0 graus de magnitude e do tsunami ocorridos em 11 de março, eventos naturais que devastaram a região norte do Japão, lar de muitos fabricantes de componentes eletrônicos no Japão. Ele salientou que os desastres certamente deverão derrubar as vendas da Panasonic no trimestre de abril-junho em "centenas de bilhões de ienes".

"O terremoto atingiu diversas empresas de fabrico de materiais e dispositivos que são difíceis de substituir", afirmou Ohtsubo. "É difícil recuperar (a cadeia de abastecimento), em um curto espaço de tempo", disse ele. Ohtsubo acrescentou que os pedidos de clientes estrangeiros para a verificação de que os produtos Panasonic não estavam contaminados com a radiação pode atrasar a recuperação da cadeia de abastecimento.


Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google