Tratamento de águas residuais: Industrial e anaeróbiasO sistema de tratamento de águas residuais é um processo de purificação de águas residuais, através da remoção de agentes contaminantes, gerando um fluxo de resíduos ou de lodo que será descarregado no meio ambiente ou reutilizado de acordo com alguma finalidade. Alguns métodos de tratamento de águas residuais são geralmente classificados em três grupos – processos físicos, químicos e biológicos.

Tratamento de águas residuais industriais

Um efluente industrial é a água contaminada devido às atividades industriais ou comerciais pelas fábricas e unidades de produção. A água de refrigeração usada em equipamentos de indústrias siderúrgicas, por exemplo, está contaminado com substâncias como cianeto e amônia. Em ambientes que abrangem minas e pedreiras, as suspensões de partículas de rochas e minérios são os principais contaminantes da água. Embora o esgoto produzido na indústria de processamento de alimentos seja biodegradável e não tóxico, tem elevada concentração de demanda bioquímica de oxigênio e sólidos em suspensão. Na indústria de produtos químicos orgânicos, a água está contaminada por solventes, agentes de limpeza, subprodutos e agentes de limpeza. Muitas vezes, até mesmo vestígios de mercúrio foram encontrados diluídos em efluentes industriais.

Tratamento de Efluentes

Tratamento anaeróbio de águas residuais Um sistema de tratamento de efluentes industriais se baseia no processo de purificação de águas residuais contaminadas por atividades industriais. Estes contaminantes incluem amianto, chumbo, amônia, solventes, etc, elementos que são prejudiciais aos seres humanos e aos animais. O processo inclui o envio de esgotos às estações de tratamento de águas residuais para esses líquidos contaminados antes que sejam lançados no meio ambiente. Algumas técnicas de sedimentação simples são empregadas para remover contaminantes sólidos e lodo. Uma grande parte das águas residuais industriais inclui óleo e vestígios de graxa, que podem ser removidos por dispositivos específicos. A presença de material orgânico biodegradável no efluente indica a necessidade de aplicação de métodos de filtragem, mas também é possível captar os materiais orgânicos dissolvidos pelo processo de oxidação avançada. O processo de neutralização é usado para tratar ácidos e álcalis presentes nas águas residuais, mas podem requerer tratamentos mais frequentes, porque as formas de neutralização de um precipitado podem ser igualmente tóxicas. Muitos contaminantes de metal podem ser precipitados a partir de águas residuais, quer por alteração do seu valor de pH ou por uso de outros produtos químicos.

Tratamento anaeróbio de águas residuais

No método de tratamento anaeróbio, os agentes biológicos são utilizados para remover os contaminantes da água, na ausência de oxigênio. Esses agentes biológicos incluem microrganismos que apresentam degradação material biodegradável no lodo, depois que ele é filtrado das águas poluídas. O processo também é conhecido como digestão anaeróbia, pelo fato de os microrganismos “digerirem” os poluentes na água. O método é um componente importante do sistema biológico de tratamento de esgoto. O processo anaeróbio ocorre em grandes tanques vedados e hermeticamente fechados. Na fase inicial, a repartição dos microrganismos no lodo converte os detritos em ácidos orgânicos, dióxido de carbono, hidrogênio e amônia, enquanto nos estágios posteriores, o lodo permanece é convertido em biogás por metanogênicos, que são microorganismos unicelulares. Este biogás é composto por metano e dióxido de carbono. As baixas emissões de gases fazem o tratamento anaeróbio de águas residuais ser o processo mais utilizado hoje em dia nas estações de tratamento de esgoto. Esta tecnologia simples tem alta eficiência e pode reduzir a produção de lodo excedente em cerca de 90%.

O ideal seria que todas, ou pelo menos a maioria, das indústrias que desempenham um papel vital no desenvolvimento de um país, se conscientizassem a respeito dos efeitos da poluição industrial sobre a água, o solo ou o ar, e que procurassem desenvolver métodos com a finalidade de amenizar este problema. Um método muito eficaz é o tratamento anaeróbico de águas residuais. Apesar de simples, é um dos procedimentos mais seguros e eficientes de tratamento de efluentes industriais e, portanto, é também muito popular no meio industrial em diversos países.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Meio Ambiente
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Meio Ambiente