A fabricante alemã de motores e turbina, a Tognum, confirmou nesta quarta-feira, 18 de maio, que deverá aceitar uma oferta irrecusável do grupo alemão do setor automotivo Daimler e da britânica Rolls-Royce, abrindo o caminho para uma aliança forte entre a empresa e as montadoras.

"O conselho de administração e o conselho fiscal consideram o valor da oferta bastante adequada, e recomendaram aos acionistas da Tognum que aceitem esta oferta", disse a Togum um comunicado.

A Daimler e a Rolls-Royce apresentaram uma contra-proposta financeira em 13 de maio, encaminhando a oferta com 8,3% de aumento no valor das ações, que passou para 26 euros por ação da Tognum. "Juntamente com a Daimler e a Rolls-Royce, vamos criar uma empresa líder global de tecnologia em sistemas de propulsão e sistemas de energia descentralizada", destacou a Tognum.

A Daimler já detém 28,4% de participação nas ações da Tognum, que atualmente emprega cerca de 8.700 pessoas em todo o mundo, e tem uma longa trajetóri de parceria com a empresa.

Com participação de 100% da Togum por quase 50 anos, a Daimler vendeu a fabricante de turbinas em 2005 para o fundo EQT de investimento por 1,6 bilhões de euros. Somente em 22 de abril de 2008, a Daimler voltou a adquirir 22% da Togum, em uma aquisição envolvendo o montante de 585 milhões de euros.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas