Aplicações do gás butano na indústriaO butano é um componente gasoso de gás natural, bem como a gasolina é um componente do óleo cru. Embora os produtos derivados de petróleo como a gasolina sejam refinados, os produtos naturais, como o gás butano são extraídos. O butano também pode ser produzido a partir de óleo cru, mas em quantidades muito menores e é frequentemente adicionado à gasolina comum para aumentar o desempenho do combustível sem a criação de um produto altamente volátil. Algumas aplicações do gás butano na indústria incluem seu uso nos sistemas de refrigeração, de aquecimento e combustível para isqueiros.

A fórmula química do butano é C4H10, o que significa que a molécula do butano é composta por quatro átomos de carbono cercados por dez átomos de hidrogênio para formar uma linha reta. Essa forma de gás incolor é chamada tecnicamente de n-butano (n significa 'normal'). O N-butano tem um alcano isômero chamado isobutano, ou metil propano, que é usado principalmente como um substituto para o fluido refrigerante freon em sistemas de resfriamento de geladeiras domésticas.

O butano é apenas um tipo de gás das dezenas de gases derivados do gás natural bruto. É muitas vezes combinado com gás propano para formar um novo produto chamado GLP, ou gás propano líquido. Este é o conhecido gás de cozinha utilizado no ambiente doméstico. O gás propano pode emitir mais energia do que o butano, mas o gás butano tem uma determinada propriedade que o torna ideal para o confinamento.

Gás butano Quando o butano é comprimido, ele se torna um líquido de forma muito rápida. Uma vez que é liberado no ar, no entanto, reage com uma fonte de ignição para se tornar um gás altamente inflamável. Ao contrário de alguns outros derivados do gás natural, o butano só libera dióxido de carbono como um produto residual e não libera monóxido de carbono.

O gás butano é normalmente usado nas seguintes áreas:

  • Como combustível de aviação e produtos químicos orgânicos;
  • Como combustível para isqueiros e fogões portáteis;
  • Como matéria-prima para a fabricação da borracha sintética e de fluidos líquidos;
  • Para a fabricação de etileno e de combustível, além de solvente em aerossol;
  • Serve como gás de calibração de medidores de temperatura e pressão e como combustível para aquecimento;
  • O butano também é adicionado à gasolina para aumentar sua volatilidade (taxa de evaporação), em climas frios.

A inalação de gás butano pode causar euforia , sonolência , narcose , asfixia , arritmia cardíaca e queimaduras, resultando em morte por asfixia e fibrilação ventricular. Por um dos tipos de gases mais utilizados no ramo industrial, o butano, como uma substância volátil, deve ser manuseado com certos cuidados extras, que exigem, por exemplo, o uso de máscaras de proteção e outros equipamentos de segurança especiais.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás