A Cosipa foi a primeira siderúrgica integrada do Brasil a conquistar a OHSAS 18001, voltada inteiramente para a segurança e saúde do trabalhador. Em evento promovido, durante Encontro de Segurança, a empresa recebeu a recertificação da OHSAS 18001, que atesta a excelência empresarial no controle dos riscos para evitar e eliminar acidentes em todas os locais e situações de trabalho. A recertificação foi entregue pelo gerente comercial da Det Norske Verirtas (DNV), organização certificadora internacional, Reginaldo Maia, ao presidente da Cosipa, Omar Silva Júnior.

Desde a certificação, que ocorreu em outubro de 2001, a Cosipa passou por auditorias periódicas e intensificou o seu o seu trabalho na área de segurança. Segundo Reginaldo Maia, da DNV, as auditorias servem para avaliar o sistema de gestão da empresa. "Temos acompanhado a evolução da Cosipa durante os três anos e confirmamos que os padrões internacionais estabelecidos na norma são cumpridos rigorosamente."

O gerente de Segurança do Trabalho da siderúrgica, Ricardo Salgado, afirma que a OHSAS 18001 trouxe muitos benefícios à Política de Segurança do Trabalho da Cosipa e a conquista de 10 milhões de Homens/hora trabalhadas, sem acidentes CPT, reflete o trabalho realizado. Ele apontou algumas ações realizadas para aliar segurança e produção com qualidade, entre elas, as Inspeções Gerenciais, Inspeções de Segurança das Superintendências, Análise de Risco da Tarefa e Paralisações de Serviços, que garantem o cumprimento dos procedimentos de segurança. Outro exemplo são os Grupos Voluntários de Segurança (GVS), formados por empregados da usina, e as Jornadas de Segurança, ações motivacionais realizadas quando as áreas completam determinado período sem registrar acidentes, com a participação dos familiares.

Durante o Encontro de Segurança, o gerente comercial da Det Norske Verirtas (DNV) aproveitou para parabenizar a empresa pela marca conquistada e ressaltou que a busca da equipe de empregados pela melhoria contínua é marcante em todos os trabalhos desenvolvidos. "Essa é só mais uma das muitas conquistas da Cosipa, que sabe a importância de planejar uma tarefa com disciplina e comprometimento. Esse são pontos fortes da empresa, que conseguiu mais um índice excelente na área de segurança. Parabéns a todos!"

Entidades reconhecem resultado - Além de ser representativa para a empresa e seus empregados, a conquista também teve o reconhecimento da Organização Internacional do Trabalho (OIT). O diretor da entidade no Brasil, Armand Pereira, cumprimentou a empresa pelo "bom trabalho que vem efetuando na área de segurança. Uma vitória desse tipo só se consegue com um esforço conjunto."

A promotora do Meio Ambiente de Cubatão, Liliane Garcia Ferreira, destacou a responsabilidade social da Cosipa, que nos últimos anos investiu mais de US$ 1,2 bilhão em modernização tecnológica, treinamento e em meio ambiente (área que recebeu sozinha US$ 240 milhões), que também se reverteram em mais segurança para os trabalhadores. “A marca alcançada, com a redução do número de acidentes de trabalho na Cosipa, é reflexo da gestão que vem sendo desenvolvida pela empresa, que traz, além da melhoria do meio ambiente, e até como consequência dela, a otimização do ambiente de trabalho, aumentando a segurança e melhorando a saúde do trabalhador”, disse a promotora.

O diretor Industrial da Sidor (Siderurgia Del Orinoco), da Venezuela, Alberto Agostini, também reconheceu o trabalho realizado pela Cosipa na área de Segurança, principalmente porque conhece de perto o processo siderúrgico. "A marca de 10 milhões de Homens/hora trabalhadas mostra que a empresa está no caminho certo e que, com bons programas de segurança, apoio e comprometimento dos empregados é possível chegar a este resultado", disse durante a visita que fez à Cosipa, no mesmo dia do Encontro de Segurança.

OHSAS - A sigla OHSAS significa "Série de Avaliação da Segurança e Saúde no Trabalho" e, como o próprio nome diz, é uma certificação voltada inteiramente para a segurança e saúde do trabalhador. Foi o mais importante passo dado pela Cosipa para consolidar o seu sistema de Gestão Integrada de Qualidade, Meio Ambiente, Segurança e Saúde (SGI). Integrar Saúde, Segurança e Meio Ambiente em um processo siderúrgico foi inédito no Brasil e um paradigma em nível mundial, por estabelecer o gerenciamento do processo em relação aos impactos sobre a qualidade de vida.

Autor(es): Cosipa

facebook      twitter      google+

Segurança do Trabalho
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Segurança do Trabalho