O que é um defeito de soldagemUm defeito de soldagem é qualquer tipo de falha em um trabalho de solda que comprometa o uso e a função do objeto que recebeu a soldagem. Defeitos deste tipo podem ocorrer por uma série de razões, incluindo o uso incorreto de materiais durante o processo, ou a falha dos soldadores envolvidos para executar as tarefas necessárias de forma completa e eficiente. Um defeito de solda também acontece em razão da escolha da técnica de solda incorreta para um determinado trabalho, ou por causa de condições externas, que impedem a fusão da solda e o endurecimento do ponto que foi soldado.

As fissuras são uma das manifestações mais comuns de um defeito de soldagem. A natureza das fissuras é decorrente de várias circunstâncias diferentes. Alguns métodos de soldagem que envolvem a fusão do metal no local da junção, necessariamente, são propensos a provocar a retração do metal aquecido depois que ele esfria. Este “encolhimento”, então, induz a tensões residuais e à distorção. A distorção pode representar um grande problema, já que o produto final não apresenta a forma desejada.

Craqueamento de soldaAs tensões residuais reduzem a resistência do material de base, e podem levar a uma falha catastrófica através da fissuração. O fracionamento ocorre na zona afetada pelo calor do material de base. Para reduzir a quantidade de distorções e tensões residuais, a quantidade de entrada de calor deve ser limitada, e a sequência de soldagem utilizada deve ocorrer em segmentos.

Às vezes, a origem do defeito no resultado da solda tem relação com a escolha infeliz do soldador a cerca do melhor e mais apropriado método de soldagem de metais ou, ainda, os resultados insatisfatórios podem ter conexão com a seleção inadequada das ferramentas para realizar a tarefa de soldagem. A fragilização por hidrogênio é outro motivo de falha na solda, pois vários tipos de metal, mesmo os mais resistentes, tornam-se quebradiços após a exposição ao hidrogênio. Diferentes tipos de técnicas de soldagem são projetadas para aplicação em vários metais, apelando também para o uso de varas de enchimento de solda determinadas, bem como de técnicas corretas para atingir o ideal da solda.

Quando o soldador não acerta na escolha em termos do tipo de solda, o material de enchimento, bem como os outros equipamentos, não conseguem desempenhar seu papel em reforçar a solda, o que ocasiona o defeito ou a falha mais facilmente.

O defeito proveniente da solda ineficaz nos metais, especialmente na indústria metal mecânica, pode também acontecer como resultado de uma falha automática durante a execução do procedimento de soldagem. Por exemplo, a aplicação morosa da solda em um único ponto ou um movimento rápido e incalculado pode promover uma solda fraca e que propricia o aparecimento de fissuras, aumentando as chances de quebra da peça.

Esse probelma é ainda maior quando se trata de solda de grandes estruturas, como as que sustentam um grande edifiício. Por esta razão, a habilidade, juntamente com a seleção do equipamento adequado e das melhores técnicas para um trabalho específico são fatores importantes na tentativa de se evitar os riscos potenciais de surgimento de defeitos, além de impedir que o trabalho tenha de ser realizado pela segunda vez, o que aumenta os custos com o retrabalho.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica