Teste de corrosão de metaisUm teste de corrosão de metais é um tipo de teste de materiais metálicos em que o objetivo é determinar a sensibilidade de um material a certos tipos de reações químicas que podem causar danos aos metais. Nos testes de corrosão, um material é submetido a condições simuladas e, então, é cuidadosamente analisado para sinais de rachaduras danos, fadiga, corrosão e outros. Este tipo de teste é oferecido por muitos laboratórios de ensaios destrutivos e os custos variam dependendo do material a ser testado e dos tipos de testes que serão administrados.

A corrosão leva à ferrugem, a rachaduras, fissuras e uma variedade de outras formas de danos. Em um nível baixo, a corrosão pode causar um problema estético, mas também é capaz de comprometer seriamente um material e fazê-lo falhar. Ferragens corroídas acabam tornando-se um risco em termos de segurança e interferem na eficiência de uma operação. Por esta razão, as empresas são muito cuidadosas a cerca de seus produtos, tanto na concepção quanto nos processos de fabricação, a fim de limitar a possibilidade de ocorrência de danos por corrosão, culminando na parada inesperada de um equipamento e às vezes até de uma linha de produção inteira.

O tipo de teste de ensaio destrutivo de materiais utilizado depende do material, normalmente um metal, e das necessidades de aplicação deste produto. Peças como componentes para ônibus espaciais são testados com muito rigor, por exemplo, porque há uma tolerância muito baixa em relação à apresentação de falhas em qualquer equipamento ou componente de um equipamento. Quando os objetos são enviados para testes, o laboratório pode fazer recomendações para um teste de corrosão com base no material e como ele será usado.

Teste básico de corrosãoEm um teste básico de corrosão, o material é submetido a um material corrosivo, como a água salgada, e então é deixado em observação. Alguns instrumentos científicos são empregados para monitorar as reações químicas que ocorrem em curso durante o teste de corrosão. O teste deve apontar o ponto de corrosão, quando o problema começa e a rapidez com que um componente será inutilizado em razão da corrosão. Algumas empresas também oferecem testes de estresse, tais como corrosão de ebulição em manganês para determinar quando os materiais irão rachar ou apresentar pequenas fissuras.

Empresas que desenvolvem novos revestimentos, materiais e componentes usam os testes de corrosão em metal para determinar se seus produtos atendem ou não necessidades para as quais foram concebidos. Além disso, os testes de corrosão de laboratório servem para o controle de qualidade, nas reconstruções de incidentes onde o objetivo é determinar se a corrosão foi natural ou induzida. O processo de teste de corrosão é destrutivo na natureza e não pode ser usado para materiais e componentes que precisam ser mantidos intactos ao final do teste.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica