O que é a técnica de eletro-refinoA técnica de eletro-refino é a remoção de impurezas de um metal através da colocação de dois eletrodos dentro de um recipiente cheio de líquido. O metal é dissolvido com o uso de um eletrodo positivo na solução. Em seguida, é re-depositado na forma mais pura no eletrodo negativo. Normalmente, emprega-se o método de eletro-refino para purificar materiais como o cobre.

O cobre é recuperado na forma de sulfeto de minério, como parte do processo de fundição. O processo de eletro-refino de metais começou a ser desenvolvido e utilizado na Europa em meados de 1800, quando apenas algumas toneladas de cobre poderiam ser processadas por dia. Atualmente, as indústrias de siderurgia em todo o mundo refinam toneladas de cobre diariamente.

A maior parte do cobre produzido em todo o mundo passa pelo eletro-refino, que remove metais como prata, ouro e platina, assim como níquel. Os metais preciosos que são separados podem ser recuperados dentro da lama que se acumula fora do eletrodo de cobre. O cobre possui elevada condutividade elétrica e térmica e é relativamente fácil de trabalhar, seja por extrusão ou por usinagem. É um dos materiais mais eficazes na fabricação de fios, tomadas e tubos de cobre.

técnica de eletro-refinoO cobre eletro-refinado não é corrosivo e nem tóxico, por isso, o cobre é adequado para a produção de peças de decoração, panelas, utensílios domésticos e moedas. O níquel também podem ser eletro-refinado, bem como o chumbo, a prata, o ouro e o zinco. Qualquer um desses metais que são retirados de outro metal pode ser coletado, formado em seu próprio eletrodo e purificado posteriormente.

O meio líquido pode ser exposto a uma combinação de campos elétricos e magnéticos. A deposição do metal puro também é assistida por campos magnéticos, em um processo conhecido como magnetoeletrólise. A deposição do metal, um processo mais conhecido como densidade de corrente, é controlada pelo potencial do eletrodo e, até certo ponto, quanto maior o potencial, maior a taxa de deposição.

O limite de densidade de corrente pode aumentar com a força do campo magnético, que varia dependendo do projeto da célula eletrolítica, composição da solução eletrolítica e do tipo de metal que está sendo purificado. Materiais como o cobre podem ser eficientemente produzidos em termos de qualidade e em larga escala, atendendo às demandas das mais variadas aplicações e de diferentes fabricantes.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica