Lubrificação por salpico na manutençãoA lubrificação por salpico é um método de aplicação de lubrificante, um composto que reduz o atrito, a peças de uma máquina. Mais utilizado em motores, o método de lubrificação por salpico utiliza um pequeno dispensador de óleo lubrificante para lubrificar peças como rolamentos, eixos e polias dos motores. Com base nesse sistema, os componentes a receberem lubrificação são pulverizados com o fluido de lubrificação.

Muitos profissionais especialistas em sistemas de lubrificação advertem sobre o uso dessa técnica em motores maiores. Eles salientam que a lubrificação por respingo funciona melhor em motores menores.

Durante a manutenção, os motores são lubrificados geralmente por meio de uma combinação de lubrificação por salpico e lubrificação por alimentação forçada. Em alguns casos, uma bomba de óleo mantém o cocho cheio para que os rolamentos do motor sempre possam espirrar óleo suficiente em outras partes do motor. Quando o motor acelera, o mesmo acontece com a bomba de óleo, produzindo um fluxo de lubrificante poderoso o suficiente para cobrir as partes diretamente e garantir um respingo suficiente.

Lubrificação por salpico Em outros casos, a bomba de óleo direciona óleo para os rolamentos. Alguns orifícios nos rolamentos permitem que o óleo lubrificante flua para o virabrequim e para a biela dos rolamentos, lubrificando-os no processo. Engrenagens abertas em engrenagens fechadas também podem ser lubrificadas por respingo. Neste caso, é o dente da engrenagem que é mergulhado em óleo, que é então distribuído nos dentes da engrenagem conforme a peça é girada.

Além de diminuir a quantidade de atrito em um motor ou caixa de engrenagens, o tipo de lubrificação por salpico também ajuda a regular a temperatura do sistema. Atrito gera calor, e o óleo é capaz de absorver e dissipar todo o calor gerado, protegendo as engrenagens do desgaste adicional.

A eficácia do sistema de lubrificação por salpico é determinada em parte pelo tipo de óleo usado. Os especialistas recomendam um óleo mais grosso e viscoso o suficiente para proporcionar lubrificação, mas não tão viscoso que provoque maior aquecimento. A pureza do óleo também é um fator, e recomenda-se que o óleo usado na lubrificação por salpico seja filtrado regularmente e substituído quando necessário.


Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Manutenção
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Manutenção