O grupo industrial Siemens confirmou a formação de uma joint venture com a fábrica russa de máquinas de energia, a Highstat. A nova empresa será voltada para a fabricação de turbinas a gás, uma vez que a Siemens se afasta das atividades ligadas à energia nuclear. A companhia Highstat faz parte de um império industrial controlado pelo russo Alexey Mordashov, magnata do setor de aço.

"É extremamente importante estarmos ativos na Rússia como um importante player local no mercado de geração de energia limpa”, disse Michael Suess, diretor executivo da divisão de energia da Siemens. A Siemens também está negociando com a gigante russa da área nuclear, a Rosatom, em um outro esforço de colaboração no setor da energia.

A Siemens pode procurar apenas trabalhar com Rosatom em projetos que envolvam fontes de energia convencionais, disse o jornal.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia