Aplicação do ferro-gusa na indústriaO ferro-gusa é um material metálico que resulta quando o minério de ferro, o carvão vegetal e o calcário são derretidos juntos sob pressão de ar intensa. Quando o material combinado esfria, ele forma um produto de alto carbono conhecido como ferro-gusa. O material resfriado raramente é usado puro, pois a grande quantidade de carbono torna o material frágil e instável. Normalmente, este tipo de ferro é mais refinado por meio de fusões adicionais e processos de mistura a fim de criar o ferro forjado, ferro fundido ou o aço.

Alguns especialistas acreditam que o ferro gusa foi usado pela primeira vez na China em torno do 11º século a.C. Os ferreiros chineses construíram canhões e armas com base neste tipo de ferro, ao mesmo tempo em que usavam o ferro-gusa para produção de artes decorativas, como estátuas e estatuetas. Embora o aproveitamento do ferro também fosse comum em toda a Europa na mesma época, as técnicas de refino usadas para fazer o ferro-gusa e as ligas resultantes não se espalharam por toda a Europa até muitos séculos depois.

Muitos produtos de ferro começam com o ferro-gusa. O ferro forjado era um dos materiais de construção mais formidáveis do mundo, usado em estruturas como a Torre Eiffel, por exemplo. Hoje, o ferro forjado raramente está disponível, devido à capacidade superior de resistência do aço. Para criar o ferro forjado a partir do ferro-gusa, a liga é refundida e combinada com óxidos de metal que retiram uma parte do carbono, tornando a liga resultante mais útil e menos quebradiça.

Ferro-gusaO ferro fundido é outro tipo de liga que pode ser refinado a partir do material inicial. Ferro fundido é mais forte e menos frágil do que o material inicial, graças a um processo que remove os elementos carbono, enxofre e outros, acrescentando desejáveis características de sucata de metal fundido e aço. Muito popular na construção de pontes e outras estruturas, o ferro fundido é usado também para criar tachos e panelas que suportam e distribuem uniformemente o calor elevado.

O tipo de ferro-gusa é usado frequentemente como um passo intermediário na criação do aço. Até o desenvolvimento do aço, o ferro era um material de construção primário em todo o mundo, servindo desde a construção de arranha-céus até de componentes do motor a vapor. O aço, que é mais leve, mais flexível e mais forte do que o ferro, rapidamente ultrapassando o ferro como um dos materiais mais utilizados no mundo moderno.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica