A DuPont conseguiu convencer o júri que a indústria coreana Kolon tinha roubado seus segredos comerciais. Ao vencer a ação movida contra a empresa sul-coreana, a DuPont será indenizada em US$ 919,9 milhões por danos, disseram as companhias em 14 de setembro.

A DuPont aplaudiu o veredito, que decorre de uma disputa que envolve o produto de fibra Kevlar fabricado pelo grupo e que é usado em coletes aproveitados por policiais e soldados.

"A decisão de hoje do júri é uma enorme vitória para a proteção da propriedade intelectual global e dos milhões de usuários da tecnologia e produtos Kevlar da DuPont ", disse Thomas Sager, vice-presidente e conselheiro geral da DuPont.

Já a indústria Kolon rejeitou o veredito e prometeu apelar, esclarecendo que nunca tinha procurado informações de propriedade da DuPont, e argumentando que muitos dos "segredos comerciais" que foram, alegadamente, roubados eram realmente de conhecimento público.

"O veredito de hoje é o resultado de uma campanha de vários anos pela DuPont destinada a forçar a Kolon a sair do mercado de fibra de aramida", defendeu-se o conglomerado sul-coreano.

"Apesar de a fábrica Kolon respeitar a decisão proferida pelo júri, a companhia não concorda com a decisão e está confiante de que uma resolução justa e satisfatória será alcançada após o recurso".

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas