Definição de ecologia aquáticaA ecologia aquática é um ramo da ciência da ecologia que se preocupa com o estudo dos ecossistemas aquáticos. Este campo pode ser dividido em duas classificações: a ecologia de água doce e ecologia marinha. Dado que a maior parte da Terra é coberta por água, a compreensão dos ecossistemas aquáticos é muito importante, especialmente porque a água é fundamental para a sobrevivência de toda a vida na Terra.

O estudo da ecologia de água doce envolve os rios, lagos, córregos, corpos sazonais de água, depósitos de água subterrânea e zonas circundantes, enquanto a ecologia marinha está preocupada com os oceanos. Os estuários, onde água doce encontra a água salgada, são estudados por ecologistas de ambos os campos, e às vezes pelos dois campos, trabalhando cooperativamente em projetos que requerem a expertise de ecologistas especializados. Pelo fato de que os sistemas de água estão interligados, há uma grande cooperação entre os profissionais que trabalham em vários aspectos da ecologia aquática, e entre os ecologistas aquáticos e outros membros ligados ao meio ambiente.

Se um ecologista atua com estudos e pesquisas sobre água salgada ou água doce, há uma série de tópicos de interesse em ecologia aquática. Os ecólogos aquáticos estudam as mais diferentes populações naturais de organismos na água, buscando informações sobre variações naturais e o impacto de influências, como a temperatura, salinidade, profundidade da água e localização. Os ecologistas muitas vezes se interessam especificamente em organismos de importância econômica, ou na biologia de um ecossistema como um todo.

ecologia aquáticaProfissionais envolvidos com a ecologia e meio ambiente também estão interessados nas interações humanas com o meio ambiente, focando especialmente o impacto da atividade humana nos ecossistemas aquáticos. Este envolve, por exemplo, a ocorrência de derramamentos de óleo no oceano. Algumas atividades humanas geram consequências não intencionais, e estas consequências podem levar a uma escala épica no mundo da ecologia aquática, uma vez que toda a água, eventualmente, drena para o oceano, e os oceanos do mundo estão todos conectados. Um micróbio no rio indiano Ganges pode acabar em um porto na Grã-Bretanha, e ecologistas podem explorar o caminho que levou esse microorganismo a chegar lá, e se as atividades humanas desempenharam ou não um papel fundamental nesse processo.

Há inúmeros campos de estudo disponíveis para pessoas que trabalham em ecologia aquática, incluindo a conservação da água, preservação ambiental, uso comercial dos recursos aquáticos, a poluição, a história do uso da água, políticas de uso da água e o estudo de organismos únicos em vários ambientes aquáticos em todo o mundo. As pessoas normalmente entram neste campo, tendo uma licenciatura em ecologia, com foco em questões de interesses aquáticos.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Meio Ambiente
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Meio Ambiente