Mineração de bauxitaA bauxita é uma rocha mineral, que recebeu este nome em detrimento da região na França onde o mineral foi identificado pela primeira vez. Um dos principais componentes da bauxita é o óxido de alumínio, que pode ser processado para a fabricação de diversos produtos de alumínio. A bauxita é extraída em várias regiões do mundo por empresas mineradoras que estão interessadas em produtos de alumínio. Essas empresas de mineração de bauxita podem vender o minério de alumínio em estado bruto ou processá-lo para gerar seu próprio alumínio, dependendo do tamanho da empresa e de seu modelo de negócios.

Este minério é geralmente avermelhado ou marrom, sendo formado por um processo de intemperismo, lixiviação e deposição, e muitas vezes, contém impurezas como titânio, sílica, óxido de ferro e alumínio, além do óxido de alumínio. Quando a bauxita é processada, ela produz alumina, um subproduto que pode ser usado na produção do alumínio. O alumínio é um metal amplamente aproveitado na industrial em geral, e que pode ser visto em aplicações que vão desde a fabricação de aeronaves até eletrodomésticos.

Os depósitos de bauxita são encontrados próximo à superfície da Terra. Por esta razão, o processo de mineração a céu aberto é muito popular para extraí-lo. A mineração a céu aberto contribui para a degradação ambiental através da perda de solo superficial, da lixiviação de substâncias químicas nocivas e da erosão de formações naturais, sendo uma grande preocupação em algumas regiões do mundo. Empresas que se dedicam a esta prática devem atender aos padrões ambientais projetados para minimizar os efeitos negativos ambientais da mineração.

bauxitaÓxidos de alumínio são muito valiosos, mas outros componentes da bauxita não são tão úteis. As empresas precisam encontrar uma maneira de extrair o minério de forma mais barata possível para manter os custos de produção abaixo da média, e então eles devem decidir o que fazer com as sobras após o processamento. Estas sobras podem estar contaminadas com produtos químicos utilizados no processamento, então devem ser manuseadas com cuidado.

A Austrália é o maior produtor mundial de bauxita, com grande parte do minério sendo extraída pelo grupo Alcoa. China, Brasil, Jamaica e Guiné também têm depósitos úteis deste mineral. Mesmo com a reciclagem de alumínio, a demanda por bauxita crua está consistentemente em ascensão e muitas nações estão trabalhando duro para ampliar sua capacidade de produção e determinar quais níveis de produção máxima poderiam atingir se seus recursos da bauxita fossem mais plenamente explorados.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Mineração
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Mineração