Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Crise econômica mundial será desafio para América Latina, diz FMI

Alguns países estão mais vulneráveis que os outros e crescimento deverá ser modesto para América Latina e Caribe neste ano.

Mais notícias relacionadas a comércio internacional:

Taiwan: mercado promissor de produtos siderúrgicos
Cenário dos laminados planos é dominado pela China Steel Corporation (CSC), única empresa com usinas ...


O que são exportações invisíveis
Também conhecidas como exportações intangíveis, incluem pagamentos, licenciamento e repatriação de lucros entre empresas.


Camex anuncia redução de imposto de importação até 2014
Máquinas e bens de informática não produzidos no Brasil


Crise econômica mundial será desafio para América Latina, diz FMIA  crise econonômica mundial será desafio para América Latina, segundo os últimos relatórios do Fundo Monetário Internacional Regional (FMI). Os riscos de deterioração do comércio internacional são significativos, com alguns países mais vulneráveis do que outros. Mas o crescimento até agora tem sido bom na América Latina e no Caribe, relata o FMI em “Ventos de mudança, novos desafios políticos”, lançado no dia 5 de outubro de 2011, em Lima (Peru).


A última projeção do FMI é para uma perspectiva de crescimento modestamente menor para a América Latina e para o Caribe, de 4,5% em 2011 e 4% em 2012, queda de 0,1 ponto percentual em relação à previsão publicada em junho.

"Nós ainda temos em mente uma situação em que liquidez global e os preços das commodities continuarão a ser, como os conhecemos, os setores mais importantes para a região", disse Nicolás Eyzaguirre, diretor do Departamento do Hemisfério Ocidental do FMI. "No entanto, eles serão um pouco mais fracos do que no passado recente".

Observando a situação dos mercados, o relatório aponta que os riscos para a linha de base são potencialmente graves. A falta de uma solução definitiva para a crise na Europa pode piorar confiança e condições do mercado global de crédito, com repercussões para os mercados emergentes. A recessão nas economias avançadas pode atingir os preços das commodities, com efeitos negativos significativos sobre os exportadores de commodities. Mas existem riscos ascendentes também: uma resolução rápida das tensões europeias e uma melhor perspectiva para o crescimento global poderiam reacender fortes influxos de capital, trazendo de volta os riscos de superaquecimento.

"No passado, quando o mundo rico tinha um resfriado, os emergentes poderiam pegar uma pneumonia. Agora, a situação parece invertida: as grandes economias têm pneumonia, mas a região, provavelmente, só tem um resfriado. Claro, essa gripe ainda tem de ser tratada ", disse Eyzaguirre disse."Neste ambiente complicado, América Latina e no Caribe devem manter o rumo das suas políticas atuais, incluindo uma ágil postura monetária e reconstruir ‘tampões’ fiscais, e estamos prontos para ajustar os ventos se a mudança global acontecer."

Realidades diferentes

Com o crescimento mais robusto dos países da América do Sul, os perigos de superaquecimento diminuíram, mas ainda não desapareceram completamente, sobretudo onde a produção é superior à demanda potencial e a demanda doméstica continua forte. No entanto, países com estruturas credíveis de política monetária, e onde as expectativas de inflação estão bem ancoradas, poderiam fazer uma pausa no ciclo de aperto. Se os riscos de deterioração se concretizarem, a política monetária deve ser a primeira linha de defesa.

Enquanto isso, a consolidação fiscal gradual deve continuar, para criar margem de manobra para combater uma recessão mais séria, e preservar a credibilidade fiscal. Além disso, as políticas macro-prudenciais continuam a ser uma parte importante do kit de ferramentas de política desses países.
Crise econômica mundial

Nações com fortes vínculos econômicos com os Estados Unidos, como o México e grande parte da América Central, encontram uma visão um pouco mais fraca, observa o relatório. Porque a sua situação fiscal foi esticada, as políticas devem se concentrar na redução da dívida pública aos níveis pré-crise.

Para os caribenhos, que já começaram a se recuperar de uma recessão longa e prolongada, a perspectiva continua a ser limitada por elevados níveis de endividamento e fluxos de turismo fraco dos países ricos. Os países devem se concentrar em reduzir os níveis de endividamento elevados, bem como abordar as vulnerabilidades do setor financeiro.

O Impacto das Commodities

O relatório do FMI analisa a vulnerabilidade da América Latina para um possível aumento de preços de commodities e as políticas que poderiam evitá-la ou mitigá-la. Em média, a região é tão dependente de commodities hoje como era há 40 anos, observa o relatório. Assim, a demanda global em baixa poderia desferir um golpe nos termos de comércio da região.

No capítulo 3, o relatório conclui que as políticas adequadas podem desempenhar um papel importante na mitigação do impacto econômico dos choques de commodities. Os países com fortes políticas de flexibilidade da taxa de câmbio quando há queda do dólar, junto com o alerta externo e posições fiscais, particularmente durante a fase de crescimento dos ciclos de preços de commodities, se saem melhor.

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a comércio internacional:

Importação de produtos químicos da Índia

A indústria química indiana está em franca expansão. O setor proporciona hoje um grande volume de negócios dentro e fora do país. Produtos químicos ...
Pesquisa mostra recuperação da indústria chinesa

A produção industrial na China melhorou neste mês de outubro, dando sinais de que uma recuperação pode estar tomando forma depois de uma queda acentuada da segunda ...
Definição de certificado de origem

O certificado de origem é um documento importante no comércio internacional que atesta que os bens em um embarque de exportação específico são inteiramente obtidos, produzidos, fabricados ...
Diferença entre marca de serviço e marca registrada

Se você fabrica um produto ou oferece um serviço, provavelmente quer que sua empresa tenha uma identidade única para permitir que seus clientes saibam a origem do produto ou ...
Modelos de comércio internacional

Modelos de comércio internacional têm sua origem na teoria da vantagem absoluta apresentada por Adam Smith, que demonstrou que era benéfico para um país se especializar ...
Déficit em químicos alcança US$ 12,0 bi no primeiro semestre

As importações brasileiras de produtos químicos totalizaram mais de US$ 19,4 bilhões no primeiro semestre de 2012, enquanto as exportações somaram US$ 7,4 bilh ...
China pretende criar zona de conversão da moeda

A China planeja criar uma zona especial para experimentar com a convertibilidade da moeda em Shenzhen (foto), cidade em que introduziu as principais reformas econômicas há três d ...

Comércio Internacional
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Comércio Internacional


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google