A segunda maior montadora da Coréia do Sul, a Kia Motors, confirmou em 28 de outubro a queda do lucro líquido no terceiro trimestre de 8% em relação ao ano anterior, principalmente devido às perdas cambiais e ganhos de capital baixo.

O lucro líquido foi de 648 trilhões de wons (ou 587 milhões de dólares) no período julho-setembro, ante um lucro de 705 trilhões de wons contabilizados em 2010, disse a empresa.

As vendas subiram 14,9%, ou seja, para 9,99 trilhões de won no mesmo período em que o lucro operacional atingiu a marca de 21,9%. "O aumento da competitividade ajudou a Kia Motors a enfrentar a crise financeira global e a desaceleração econômica", disse a companhia em um comunicado.

"As perspectivas de negócios em geral, permanecem sombrias no quarto trimestre e daí por diante, mas vamos fazer o máximo para superar a crise, reforçando os esforços de vendas e a produção de carros melhores", salientou a companhia do setor automotivo.

A montadora Kia Motors vendeu cerca de 61,1 milhões de veículos durante o terceiro trimestre, um aumento de 19,3% ante o ano anterior, liderada por uma forte demanda para o sedan K5 e o veículo utilitário Sportage R. A montadora vendeu um total de 1,85 milhões de unidades nos últimos três trimestres.

A fabricante de carros Kia Motors registrou um lucro líquido de 2,73 trilhões de wons nos primeiros nove meses do ano, um aumento de 45,2% ante ao ano anterior, e o lucro operacional subiu 51,4% para 2,69 trilhões de wons durante o período citado.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas