como fazer um bom currículoMontar currículo é o primeiro passo para quem quer arrumar um emprego ou fazer alguma mudança na carreira industrial – seja de área ou de empresa. Escrever um currículo parece ser simples, mas alguns truques podem ajudar o candidato a se destacar para vagas de trabalho e garantir uma entrevista naquela empresa incrível.

Mesmo profissionais que estão há muito tempo no mercado de trabalho precisam estar com o currículo atualizado.

Como fazer um bom currículo? Muitos e muitos profissionais são rejeitados por causa de currículos errados. Um modelo de currículo eficiente faz sua experiência profissional não se perder no meio de tantos outros recebidos diariamente pelos setores de RH de grandes empresas e companhias de recrutamento. 

Aqui estão 11 dicas para escrever um currículo:

  1. Pesquise muito em sites na internet sobre modelos de currículo. Atualmente, a maioria das empresas contrata online e tem seções específicas em seus sites para envio de currículo.
     
  2. Dê seu currículo para um amigo ou familiar ler e peça uma opinião honesta. Eles podem ajudar a melhorar a redação.
     
  3. Se precisar escrever uma carta de apresentação, seja breve e não force. A introdução deve ser formal e séria.
     
  4. Revise várias vezes para evitar erros gramaticais e de digitação. Erros de português estão entre as principais razões de currículos rejeitados.
     
  5. Seja original. Incorpore algumas de suas qualidades e um pouco de sua personalidade no currículo. Use modelos (como os encontrados na internet ou no Microsoft Word), mas coloque um toque único para chamar a atenção dos recrutadores.
     
  6. Antes de montar o currículo, organize os documentos, certificados e toda a lista de informações sobre cursos e treinamentos. Assim, vai ser mais fácil listar todos eles em um documento.
     
  7. Escolha apenas vagas de trabalho para as quais está qualificado ou realmente lhe interessam. Os empregadores não gostam de perder tempo com pessoas que não estão animadas com a vaga.
     
  8. A experiência de trabalho vem sempre antes da escolaridade, de preferência em ordem reversa de tempo (o mais recente no início e os mais antigos, no final).
     
  9. Não inclua dados pessoais como religião, altura, peso, número de filhos, nome da esposa (ou marido), etc, nem hobbies e diversões.
     
  10. Adapte o currículo e as informações que constam nele conforme a empresa para a qual vai enviar o documento
     
  11. Inclua seus endereços de perfis nas redes sociais. Mas cuidado com o que posta nos sites de relacionamento. Eles podem entregar aspectos da sua personalidade que podem ser prejudiciais para sua imagem profissional

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Carreira Industrial
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Carreira Industrial